Mulheres brilham no UFC Vegas 39 e faturam todos os bônus de premiação

Por Matheus Costa | 10/10/2021 15:55

UFC Vegas 39 não foi considerado um evento badalado ou com grandes nomes, mas um feito em especial marcou o evento na história da organização. Pela primeira vez desde as introduções das categorias femininas, todos os bônus de premiação de um evento foram entregues apenas para mulheres.

+ Tyson Fury nocauteia Deontay Wilder em trilogia e mantém cinturão dos pesados da WBC

A premiação de “Luta da Noite” foi entregue para a luta principal do evento. Em um confronto de cinco rounds, a brasileira Marina Rodriguez dominou a americana Mackenzie Dern na luta em pé e saiu vencedora através da decisão unânime dos juízes. De quebra, as duas faturaram o bônus de 50 mil dólares (R$ 275 mil) como pagamento adicional.

+ Ryan Garcia enfrenta Joseph Diaz Jr em novembro

O primeiro prêmio de “Performance da Noite” foi concedido para a cazaque Mariya Agapova, que retornou ao octógono após mais de um ano para enfrentar Sabina Mazo pela categoria dos moscas. Com uma atuação dominante, Agapova finalizou Mazo no início do terceiro assalto e foi premiada com 50 mil dólares (R$ 275 mil) adicionais.

+ Apoie o MMA Brasil e colabore com o jornalismo independente

Por fim, Loopy Godinez conquistou sua primeira vitória no octógono mais famoso do mundo em grande estilo. Ao enfrentar Silvana Juarez, que aceitou a luta na semana do evento, a mexicana não teve grandes dificuldades ao finalizar a argentina com uma chave de braço no primeiro assalto. A finalização e a performance dominante lhe renderam a premiação de 50 mil dólares (R$ 275 mil) no UFC Vegas 39.

Foto: UFC/Divulgação