UFC Raleigh: Blaydes vs. Cigano – Resultados

Por Rafael Oreiro | 25/01/2020 18:55

Aconteceu na noite de sábado (25) o segundo evento do calendário de 2020 do UFC, o UFC Raleigh, que foi realizado na PNC Arena, na pouca conhecida cidade de Raleigh, no estado americano da Carolina do Norte.

A luta que encabeça a noite foi uma disputa de pesos pesados, na qual Curtis Blaydes conseguiu sua terceira vitória consecutiva e definitivamente entrou novamente nas conversas por uma eventual disputa de cinturão. Seu foi será o ex-campeão Júnior Cigano, que passava por um momento complicado em sua carreira, tendo sido atropelado pelo brucutu Francis Ngannou e, logo em seguida, sofrido com uma infecção bacteriana.

Outro destaque do evento era a presença do brasileiro Rafael dos Anjos, que perdeu na decisão dos juízes para o considerado azarão Michael Chiesa. Ainda no evento, tivemos outros nomes interessantes para se acompanhar o futuro, como Alex Perez, Arnold Allen, Montel Jackson, Brett Johns e Nate Landwehr.

Resultados do UFC Raleigh:

Peso pesado: Curtis Blaydes venceu Júnior Cigano por nocaute técnico (socos) aos 1:06 do R2
Peso meio-médio: Michael Chiesa venceu Rafael dos Anjos na decisão unânime (30-27, 29-28, 29-28)
Peso mosca: Alex Perez venceu Jordan Espinosa por finalização (katagatame) aos 2:33 do R1
Peso palha: Angela Hill venceu Hannah Cifers por nocaute técnico (socos) aos 4:26 do R2
Peso meio-pesado: Jamahal Hill venceu Darko Stosic por decisão unânime (29-27, 29-27, 29-27)

Peso médio: Bevon Lewis venceu Dequan Townsend por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso pena: Arnold Allen venceu Nik Lentz por decisão unânime (29-28, 29-28, 30-27)
Peso mosca: Justine Kish venceu Lucie Pudilova por decisão unânime (30-27, 30-27, 30-27)
Peso galo: Montel Jackson venceu Felipe Cabocão por decisão unânime (30-26, 30-26, 30-25)
Peso galo: Sara McMann venceu Lina Lansberg por decisão unânime (30-27, 30-26, 30-25)
Peso galo: Brett Johns venceu Tony Gravely por finalização (mata-leão) aos 2:53 do R3
Peso pena: Herbert Burns venceu Nate Landwehr por nocaute (joelhada) aos 2:43 do R1