UFC Fight Night 117: Prévia do Card Preliminar

Antes do combate curioso entre Ovince St-Preux Yushin Okami, o retorno do UFC ao Japão terá interessantes combates e com bastante promessa de entretenimento aos fãs que sintonizarem o Combate na próxima sexta-feira.

Com três duelos no peso meio-médio: Keita Nakamura vs. Alex Morono, Shinsho Anzai vs. Luke Jumeau Daichi Abe vs. Hyun Gyu Lim. O retorno do peso mosca brasileiro Jussier Formiga contra Ulka Sasaki  e o duelo feminino entre Syuri Kondo e Chan Mi Jeon completam a porção que abrirá a noite de ação na Saitama Super Arena.

Confira a prévia:

Peso Meio-Médio: Keita Nakamura (JAP) vs. Alex Morono (EUA)

Keita Nakamura

O carismático Keita Nakamura (32-8-2 no MMA, 2-5 no UFC) é quem terá a oportunidade de fechar a porção preliminar na Saitama Super Arena. Em sua aparição mais recente no octógono, fez um duelo acirrado e acabou derrotado pelo bom brasileiro Elizeu Capoeira. Nakamura tem bastante experiência em competições de grappling no Japão e tem o jiu-jítsu como base, inclusive sendo um dos embaixadores do “só o jiu-jítsu salva”. Em pé, gosta de andar pra frente e não exibe muita técnica, mas proporciona momentos legais de entretenimento.

Ex-campeão do Legacy FC, Alex Morono (13-3 no MMA, 2-0 no UFC) teve um bom início no octógono com vitórias sobre Kyle Noke e James Moontasri, mas foi nocauteado por Niko Price em duelo que terminou sem resultado após doping do vencedor. Especialista em taekwondo, Morono é um atleta de movimentação constante, que usa bem os chutes e tem bons contra golpes e um poder de nocaute grande.

Alex Morono vs Keita Nakamura odds - BestFightOdds
Nakamura vs. Morono é um combate bem interessante. Morono é um atleta que tem um início forte e consegue manter um ritmo moderado com o desenrolar da luta. Nakamura é um lutador que tende a crescer conforme a luta, o que é bem negativo. O americano deve se impor na troca de golpes logo no início e conseguirá atrair o japonês para a pancadaria. A tendência é que Morono nocauteie no round inicial, mas o coração de Nakamura pode levar a peleja para a decisão.

Peso Mosca: #5 Jussier Formiga (BRA) vs. Ulka Sasaki (JAP)

Por Diego Tintin

Jussier Formiga

Houve um tempo em que Jussier Formiga (19-5 no MMA, 5-4 no UFC) era considerado o melhor peso mosca do mundo, antes do UFC abrir as portas de seu octógono para a divisão. Quando isto aconteceu, Jussier chegou com moral, já envolvido em uma eliminatória para o cinturão contra John Dodson. A maior velocidade e potência do americano renderam a primeira derrota por interrupção do potiguar. Outras derrotas em eliminatórias aconteceram para Joseph Benavidez, Henry Cejudo e Ray Borg e o produto da Nova União ainda luta contra o destino, de ser o teste final para quem quer um desafio contra Demetrious Johnson.

Formiga tem no jiu-jítsu sua melhor arma, atuando no solo com desenvoltura e solidez. O wrestling e o jogo de quedas como um todo costumam ser suficientes contra a maior parte da divisão, embora não tenha sido contra a elite. É versado no muay thai, apresentando técnica dentro da média, embora possa ser superado na velocidade pelos camaradas mais rápidos da categoria.

Ulka Sasaki

Ulka Sasaki (20-4-2 no MMA, 3-3 no UFC) fez sucesso em vários eventos de seu país natal, principalmente no Shotoo Pacific. Estreou bem no UFC, finalizando o perigoso Roland Delorme, mas sucumbiu contra os faixas pretas brasileiros Leandro Brodinho e Wilson Reis, o que é um tanto desanimador para alguém que vai lutar contra Formiga. Na última luta, surpreendeu o prospecto Justin Scoggins, evitando a quarta derrota em cinco lutas, que seria praticamente uma garantia de demissão.

Sasaki não é um lutador ruim, mas o casamento de estilos é aqui um inferno para ele, uma vez que Jussier é melhor em todos os aspectos que você possa imaginar. Seu forte também é a luta agarrada, tem um jiu-jítsu oportunista e uma habilidade interessante para chegar nas costas dos oponentes e encaixar o mata-leão. Na luta em pé, não tem muita potência, a técnica é básica e deixa brechas flagrantes no seu jogo defensivo. Também é vacilante na defesa de quedas e não deve conseguir muita coisa caso fique em posição desfavorável no solo.

Jussier Formiga vs Ulka Sasaki odds - BestFightOdds
Como vimos, é difícil apostar em outro resultado aqui que não seja o brasileiro saindo vencedor. O único combate da noite que pode competir com esse em termos de favoritismo tão destacado é a luta principal e só mesmo pelas condições em que Yushin Okami chega para enfrentar Ovince St-Preux.

Peso Palha: Syuri Kondo (JAP) vs. Chan Mi Jeon (COR)

Após largar o chatíssimo telecatch, Syuri Kondo (5-0 no MMA) voltou a insistir em algo verdadeiro novamente e precisou de apenas 17 meses como profissional até chegar no UFC. Nesse tempo, venceu as brasileiras Nicole Calliari e Kinberly Novaes, esta última valendo o cinturão do Pancrase. Syuri é faixa-preta de caratê e tem carreira profissional no kickboxing. Ela tem interessantes golpes retos, mas ainda exibe problemas de falta de movimentação de cabeça e variação de golpes, o que pode lhe prejudicar mais pra frente.

Com apenas 21 anos de idade, Chan Mi Jeon (5-1 no MMA, 0-1 no UFC) tem mais experiência que Kondo no octógono. Ela estreou em junho, quando perdeu para JJ Aldrich. Jeon é faixa roxa de jiu-jítsu, mas ela gosta mesmo é de trocar socos, onde até é decente, apesar de engolir bastante socos. É bem agressiva e também é da escola coreana de tomar porrada e andar pra frente.

Chan-Mi Jeon vs Syuri Kondo odds - BestFightOdds
Apesar da falta de poder nos golpes das duas, a esperança é que aconteça um combate de kickboxing de um nível legal no entretenimento, com equilíbrio e bons momentos para os dois lados. Jeon ainda é crua, mas tem certos aspectos que a favorecem no duelo contra Syuri, que ainda é uma atleta com problemas para engolir socos e pode ficar frustrada ao enfrentar uma atleta de nível melhor.

Peso Meio-Médio: Daichi Abe (JAP) vs. Hyun Gyu Lim (COR)

Também assaram apenas 17 meses entre a estreia profissional de Daichi Abe (5-0 no MMA) a sua estreia dentro do UFC (ele estreou no mesmo evento de Kondo). Com 25 anos de idade, o japonês venceu todas as suas lutas que fez profissionalmente e conquistou o cinturão dos meios-médios do Pancrase. Faixa-preta de judô, Abe se destaca bastante pelo seu kickboxing. Tem grande habilidade com os golpes retos e sabe angular bem na hora de mandar um chute. É bem provável que Daichi não conquiste o cinturão do UFC, mas você precisa ficar de olho no que o amigão pode aprontar no octógono.

Hyun Gyu Lim

Violência é o que definiu Hyun Gyu Lim (13-6 no MMA, 3-3 no UFC) em suas seis aparições no octógono. Nas vezes que venceu, aplicou nocautes brutais. Em suas derrotas, fez duas batalhas violentas e acabou com a lanterninha do médico na outra. Um lutador bem alto para a categoria (1,90m de altura), Lim é adepto do taekwondo, mas trouxe diversas boas ferramentas do muay thai para o seu jogo, como as joelhadas e as cotoveladas. Os saltos no nível de competição e a falta de frequência nos seus combates evitaram que crescesse no UFC.

Daichi Abe vs Hyun Gyu Lim odds - BestFightOdds
Abe vs. Lim poderia ser a “Luta da Noite” tranquilamente, o problema é que nenhum dos dois tem competência o bastante para se defender. O combate deve ser dos animados enquanto durar, com ambos tentando impor os seus jogos do início. Quem deve ter mais sorte é o coreano, que é mais técnico e mais inteligente, e deve vencer por nocaute após um joelhadão no primeiro assalto.

Peso Meio-Médio: Shinsho Anzai (JAP) vs. Luke Jumeau (NZE)

Shinsho Anzai

Você provavelmente não viu ou não se lembra de Shinsho Anzai (9-2 no MMA, 1-1 no UFC) lutar no UFC, mas não tem problema algum nisso, já que foram apenas duas lutas em três anos de contrato. Com 31 anos e ex-campeão do Pancrase, Anzai começou no wrestling ainda na adolescência e disputou várias competições no país nipônico, chegando a ser All-Japan em 2008. No MMA, exibe uma defesa de quedas de ótimo nível, tem um bom tempo na hora de derrubar e acaba pecando um pouco na troca de golpes, se empolgando e esquecendo a técnica.

Após se destacar no MMA oceânico, Luke “The Jedi’ Jumeau (12-3 no MMA, 1-0 no UFC) tem uma boa chance de emplacar a sua segunda vitória no UFC. Em sua estreia, venceu Dominique Steele, no UFC Fight Night 110. Faixa-preta de taekwondo, Jumeau tem um estilo passivo, aguarda o adversário atacar e espera a chance pelo contra ataque, com destaque para o seu poder de nocaute. Apesar de ser faixa-roxa de jiu-jítsu, a defesa de quedas é bem vazada, o que pode ser problema.

Luke Jumeau vs Shinsho Anzai odds - BestFightOdds
Jumeau é melhor na trocação e tem competência suficiente para aguardar um curto-circuito cerebral do japonês para mandá-lo a nocaute no primeiro round, mas creio que isso irá demorar um pouco. Anzai tem tudo para derrubar e controlar as ações no chão nos primeiros dez minutos, mas o preparo físico e o ritmo de luta devem pesar no terceiro, provocando o tal curto-circuito e dando a segunda vitória para Jumeau no UFC, provavelmente por nocaute.

  • Bruno Moraes da Costa

    Esse card tem uma boa porção de lutas divertidas, que cairiam muito bem pra complementar outros cards. Problema aí é juntar só esse estilo de lutas no mesmo card. Tem uma galera boa, como é normal em eventos na Ásia, que ainda não conheço.

    • Gabriel Carvalho

      Eu normalmente acho eventos na Ásia um saco, só que esse tá muito legal por conta de uns casamentos sanguinários, tipo Abe vs. Lim.

  • James sousa

    Espero pancadaria em abe x Lim

  • Ícaro

    Abe x Lim vai sujar a plateia de sangue

  • Gabriel Fareli

    Tô com o pressentimento de que esse card preliminar terá boas lutas.

    • Gabriel Carvalho

      Terá.