UFC 249 atinge marca de 700 mil vendas no pay per view

Por Idonaldo Filho | 12/05/2020 22:43

O UFC retornou antes da maioria das grandes ligas esportivas americanas, ainda que de forma extremamente controversa . A empreitada parece ter gerado bons resultados, pelo menos no sentido comercial,  já que as estimativas de vendas do UFC 249, liderado pela disputa do cinturão interino dos leves entre Justin Gaethje e Tony Ferguson, são bastante animadoras.

LEIA MAIS:

UFC impõe acordo e proíbe críticas sobre COVID-19 de lutadores e jornalistas no UFC 249
UFC Jacksonville: Smith vs. Teixeira – Prévia das Principais Lutas
Seja um colaborador do MMA Brasil

Segundo informação do Sports Business Journal, o UFC 249 chegou a vender mais de 700,000 pacotes de pay per view apenas na plataforma ESPN+. Os números são considerados expressivos para um card que não contava com nenhum grande nome comercial no evento.

As vendas foram comemoradas pelo presidente Dana White na coletiva de imprensa após o evento, ainda que Dana não tenha revelado a quantia exata na ocasião. Para efeito de comparação, o UFC 246, liderado por Conor McGregor e Donald Cerrone no início do ano, obteve cerca de 1 milhão de pacotes vendidos.

O próximo evento em PPV a ser realizado será o UFC 250, que está marcado para o dia 06 de junho e tem em seu card Amanda Nunes defendendo o cinturão peso pena contra Felicia Spencer.