Sem Cigano e Overeem, Francis Ngannou faz campanha para enfrentar Stipe Miocic

Por Gabriel Carvalho | 25/08/2017 17:27

O peso pesado camaronês Francis Ngannou se mostrou bem chateado após a saída do ex-campeão Junior Cigano do duelo que aconteceria no UFC 215, no próximo dia 9. Após Junior ter sido pego em um exame antidoping, Ngannou ficou sem adversário para o principal confronto de sua carreira, que pode aproximá-lo de uma disputa de cinturão.

Bem participativo nas redes sociais, Ngannou iniciou uma campanha para enfrentar o ex-desafiante ao cinturão Alistair Overeem. O holandês chegou a ter o combate oferecido pelo UFC, mas acabou recusando por conta de uma lesão no pé, sofrida no duelo contra Fabrício Werdum e ainda não curada.

Sem Overeem e Cigano, Francis usou a sua conta no Twitter para pedir um objetivo maior: o cinturão. Ele publicou uma foto sugerindo um duelo contra o atual campeão dos pesados Stipe Miocic, no UFC 218, que acontecerá em dezembro. A data sugerida foi baseada na declaração do presidente do UFC Dana White, que admitiu a possibilidade de Miocic enfrentar o campeão dos meios-pesados Jon Jones, que acabou caindo no doping.

 

“Stipe não tem adversário para o dia 2 de dezembro, em Detroit. Estou aqui, Dana White e Mick Maynard, me deixem fazer essa luta”, disse Francis.

Com um cartel de 10-1 no MMA, Francis Ngannou atualmente vem de cinco vitórias consecutivas no UFC, sendo a mais recente delas sobre o ex-campeão Andrei Arlovski, no UFC on Fox 23.