Renato Moicano vence Calvin Kattar em ótima atuação no UFC 223

Depois da derrota para Brian Ortega no ano passado, o peso pena brasileiro Renato Moicano voltou em grande estilo no UFC 223. Encarando o talentoso e ascendente Calvin Kattar, Moicano chegou a ter problemas no início da luta, mas se adaptou de forma magistral ao longo do combate, dominando as ações e vencendo por decisão unânime dos juízes.

A luta começou com bastante estudo dos dois atletas, com alguns chutes baixos e rápidos jabs. Kattar acertou uma boa direita no brasileiro. Renato manteve a luta na longa distância e tentou uma aproximação usando chute na costela. Moicano usava mais os chutes, mas tinha dificuldades para se defender dos socos do americano.

O segundo round manteve o nível de tensão do primeiro. Moicano passou a usar mais os chutes na perna de Kattar, que começou a ter mais dificuldades para acertar o rosto do brasileiro com socos. Com o maior controle da luta, Moicano conseguiu diminuir o ritmo e trazer a luta totalmente ao seu favor.

No terceiro assalto, Kattar começou em um ritmo mais forte na trocação, mas Moicano passou a controlar a luta no boxe também, já que tinha mais movimentação e passou a combinar os melhores socos no rosto do americano, que ficou sem resposta ao ver que sua principal arma tinha sido anulado.

Ao final, Moicano foi declarado vencedor por decisão unânime com placares e 29-28, 30-27 e 30-27.