Por Dentro do MMA Asiático: Cobertura especial do GLORY 8

Nosso correspondente esteve em Tóquio para a cobertura de mais uma edição da maior organização do kickboxing mundial na atualidade.

Nossa coluna sobre o universo das lutas na Ásia se junta com o MMA Brasil TV para a cobertura especial do GLORY 8, também chamado de GLORY Tokyo, evento que contou com a participação de algumas lendas do kickboxing mundial.

Eu estive nos belos ginásios Tokyo Dome e Ariake Coliseum, na capital japonesa, para acompanhar de perto a principal competição do mundo da modalidade. De lá, consegui mostrar a preparação do palco das competições, conversei com o brasileiro Marcus Vinicius, que disputou o torneio da categoria até 65 quilos e ainda fiz várias imagens dos diversos combates que aconteceram no evento.

Confira os resultados completos do GLORY Tokyo:

Luta reserva GP 65kg: Andrej Bruhl venceu Yukihiro Komiya por decisão

Luta reserva GP 65kg : Chonlek Super Pro Samui venceu Zen Fujita por decisão

Quartas-de-final GP 65kg: Mosab Amrani venceu Marcus Vinicius por decisão

Quartas-de-final GP 65kg: Masaaki Noiri venceu Liam Harrison por nocaute técnico (R2)

Quartas-de-final GP 65kg: Gabriel Varga venceu Abdellah Ezbiri por decisão

Quartas-de-final GP 65kg: Yuta Kubo venceu Chi Bin Lim por nocaute KO (R2)

70kg: Yoshihiro Sato venceu Sung Hyun Lee por decisião

Peso pesado: Jérôme Le Banner venceu Koichi Watanabe por decisão

Semifinal GP 65kg: Masaaki Noiri venceu Mosab Amrani por decisão

Semifinal GP 65kg: Yuta Kubo venceu Gabriel Varga por decisão

70kg: Andy Ristie venceu Albert Kraus por nocaute (R2)

Peso pesado: Peter Aerts venceu Jamal Ben Saddik por nocaute técnico (R2)

Final GP65kg: Yuta Kubo venceu Masaaki Noiri por decisão

  • Danilo

    2 coisas me marcaram nesse evento. 1 – A lenda Peter Aerts se recuperar de um começo barra pesada e voltar pro segundo round descendo a borracha e conseguindo 3 knockdowns pra vencer a luta.
    e 2- A raça do Noiri. O japa levou 2 pancadões nos países baixos e voltou pra seguir lutando até o fim. Acabou derrotado pelo Kubo, que lutou muito bem, mas merece todo respeito, muita raça.

    • Dois pontos muito bem observados por você. Kubo é o melhor kickboxer japonês da atualidade, não acha?

      • Danilo

        Realmente ele tem muito talento. Ele passou pelo coreano nas quartas com um golpe no corpo né? Nocaute com golpe no corpo é sempre sensacional. E contra o raçudo Noiri tb se apresentou muito bem, já vinha controlando bem as ações quando mandou um giratório que fez Noiri dobrar os joelhos.
        Cinturão muito merecido.