Podcast It’s Time! Episódio 170: Análise do UFC Fight Night 98 e do Bellator 163

O primeiro fim de semana da maratona de fim de ano foi para conta. O episódio 170 do nosso podcast debate o melhor do UFC Fight Night 98 e do Bellator 163.

Agora não tem mais volta, foi dada a largada da maratona de 10 eventos do UFC em nove semanas até o fim de 2016 – isso sem contar o calendário do Bellator. O episódio 170 do podcast It’s Time! traz análises do UFC Fight Night 98 e da luta principal do Bellator 163 para abrir os trabalhos.

Na luta principal na Cidade do México, Tony Ferguson teve a maior atuação de sua carreira na vitória sobre Rafael dos Anjos. Ainda assim, não faltou polêmica e discussão, seja por causa da mudança de equipe do brasileiro, pelo dedo no olho que Rafael sofreu quando a luta começava a mudar de panorama, seja por influência da altitude ou mesmo o enorme mérito esportivo do americano.

Avançando do fim do evento para trás, debatemos a vitória de Diego Sanchez sobre Marcin Held; a segunda derrota seguida de Charles do Bronx por guilhotina, desta vez pelas mãos de Ricardo Lamas e mais uma vez falhando ao bater o peso; a importante vitória de Beneil Dariush contra Rashid Magomedov, a bela estreia de Alexa Grasso e o revés sofrido por Felipe Sertanejo diante de Érik Pérez. Ainda deu tempo de analisar a conquista do cinturão dos meios-pesados de Phil Davis no Bellator.

Eu estive na companhia de Bruno Fares e de Diego Tintin na gravação do episódio 170, nossa sexta incursão nos estúdios da Central3. Aproveitem para escutar o quanto antes porque a semana vai ser intensa aqui no site.

apoia-se-logo-180-100

Quer se tornar um COLABORADOR do MMA Brasil e concorrer a prêmios, participar do podcast e ajudar a fazer um site cada vez melhor? Conheça todos os BENEFÍCIOS do nosso projeto no APOIA.SE!

Assine o novo feed do podcast It’s Time! em http://www.central3.com.br/programa/its-time/feed

Versão do episódio 170 para download (clique com o botão direito do mouse e em seguida selecione “Salvar link como”)

  • Carlos Portela

    Alexandre, acho que o link está direcionando para o podcast passado, o 005 ao invés do 006.

  • Anderson Rodrigues

    valeu galera por mais um podcast. vou ouvir e dpois comento

  • Rafael Alves

    “Com Eddie Alvaarez vencendo a categoria deve seguir um rumo mais natural…” Disse o Bruno. MAS se o Alvarez ganha, o evento vendo quase 2mi PPV, e o Mcgregor faz o mesmo que fez com o Diaz? “Quero porque quero a revanche não assino mais nenhuma luta!”
    O UFC ignoraria uma revanche que certamente iria bater outro recorde de vendas ou peitaria Fergunson, Khabib, Aldo e o famigerado “fan hardcore” pelo moneyfight de 2017?

    • Se o McGregor levar um sacode, acho que o UFC vai fazer com que ele volte pro peso pena.

      • ErCoelhoBruno

        É provável… mas se o cara que vende, em toda luta, ao norte de 1 milhão de PPVs pedir a revanche para “limpar o cartel” acho que eles não negariam não.
        Também dependeria de como a luta irá se desenrolar. Se é uma guerra a la “Lawler x McDonald” duvido que os novos donos perderiam a oportunidade de amortizar um pouquinho dos 4 bi investidos com uma revanche imediata.

        • Então, como ele vende 1 milhão independentemente de contra quem seja, acho que o UFC não forçaria a barra de uma revanche depois de tudo o que aconteceu em 2016, sacou?

          • ErCoelhoBruno

            Saquei, saquei e torço para que vocês esteja certo pelo bem do esporte, afinal duas das melhores categorias mais fodas do evento estão meio que bagunçadas por causa do irlandês. Mas, insisto, em se tratando de UFC/Mcgregor eu não duvido de nada…

    • Bruno Fares

      Nao descarto essa revanche.

  • ErCoelhoBruno

    Hoje só deu tempo de ouvir metade do podcast. Muita correria, mas amanhã “mato” o resto!

    Sou novo aqui no MMABrasil e já virei fã porque vocês focam as discussões nos aspectos técnicos da luta, o que é ótimo para mim que sou fã de toda arte de bater doído, da porradaria. Na minha opinião, esporte que não permite chutes na cabeça do adversário, não é um esporte digno de ser assistido!
    Fico feliz de ter conhecido o MMABrasil! Parabéns pelo trabalho! ;)

    PS. Pô, fiquei lisonjeado pela menção do comentário que fiz sobre a luta entre RDA e El Cucuy no podcast. Valeu!

    • Eu que fico feliz de você ter conhecido o site. E seu comentário foi um dos melhores dos últimos tempos hahaha

    • Ricardo Sedano

      Escuta o Alexandre falando de boxe que eu acho que vocÊ vai mudar de ideia sobre esportes que não permitem chutar a cabeça xD

      • ErCoelhoBruno

        Sobre o que disse sobre os chutes foi mais uma frase de efeito. Eu gosto de todo esporte de combate, incluindo luta greco-romana e jiu-jitsu que não permitem chutes. ;)

        • Ricardo Sedano

          Eu imaginei xD MAs não podia deixar passar a chance. É tipo uma recomendação pessoal, passei a curtir boxe (assistir, treinar sempre achei legal) depois que comecei a ouvir ele falando. xD

    • Bruno Fares

      haahahahh que baita leitor/ouvinte! esse site só cresce!