MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC On FOX 19

MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC On FOX 19
MMA

A terceira vitória seguida de Glover Teixeira não deve garantir disputa de título para ele, mas pode abrir caminho para um confronto violento É hora de Rashad Evans baixar de categoria? Nurmagomedov pode ir para o cinturão? Confira nossos palpites para o UFC On FOX 19.

O UFC On FOX 19 marcou o segundo evento do UFC em sua maior plataforma de exibição em 2016. Como é de praxe nestes cards, não faltou ação e empolgação durante todas as lutas, que foram lideradas pelo duelo entre os meios-pesados Glover Teixeira e Rashad Evans.

Agora, passado o evento, chega a hora de incorporar o matchmaker interno e analisar o que o futuro reserva aos principais envolvidos nas lutas de sábado.

Glover Teixeira contra Anthony Johnson

Após perder para Jon Jones na disputa pelo título dos meios-pesados e ser travado por Phil Davis em seguida, Glover Teixeira passou por um momento de baixa no UFC. No entanto, desde agosto de 2015 já são três vitórias seguidas contra oponentes ranqueados, a última delas contra Rashad Evans, na luta principal deste sábado.

Glover agora se posiciona em ótima posição no cenário da categoria. Como Jones e Ovince St. Preux se enfrentam na próxima semana pelo título interino e provavelmente o vencedor duelará com Daniel Cormier somente no segundo semestre, não resta opção ao brasileiro senão pegar mais um combate. Dessa forma, como já foi proposto pelo próprio em sua entrevista pós-luta, a sugestão é por uma eliminatória com Anthony Johnson, que poderá liderar outro card na FOX ou ser o combate coprincipal de um pay-per-view do meio para o fim do ano.

Rashad Evans contra o vencedor de Anderson Silva-Uriah Hall

A noite de sábado não acabou de maneira agradável para Rashad Evans. O ex-campeão meio-pesado terminou nocauteado em menos de dois minutos por Glover Teixeira, na luta principal do evento, e agora amarga duas derrotas consecutivas.

O momento não é dos melhores, a idade já é avançada e os sinais dão conta de que Evans não conseguirá voltar a emendar uma sequência de vitórias que o recoloque como membro da elite dos meios-pesados. Assim, a ideia é que ele realize pela primeira vez o corte de peso com o qual já flertou mais de uma vez e desça para os médios, onde encontrará uma chance de reinventar sua carreira e fazer mais alguns combates de nome antes de parar. Para iniciar esta nova empreitada, um combate com o vencedor do duelo entre Anderson Silva e Uriah Hall é a sugestão.

Rose Namajunas contra a vencedora de Carla Esparza-Juliana Lima

Depois de diversas lesões prejudicarem a porção principal do evento, Rose Namajunas foi alçada ao posto do segundo duelo mais importante da noite. Ela conseguiu se vingar da primeira derrota da carreira ao bater Tecia Torres em decisão unânime, numa luta muito equilibrada.

Com a vitória, Rose já teria um caso elaborado para voltar a disputar o cinturão da categoria das palhas. No entanto, como a disputa entre Joanna Jedrejczyk e Cláudia Gadelha só acontecerá em julho, isso representaria um longo tempo afastada para Namajunas – para ela, o melhor é se manter ativa e ganhar experiência, uma vez que tem poucas lutas e ainda é muito jovem. Por isso, seu próximo passo pode ser a vencedora do embate da semana que vem entre Carla Esparza e a brasileira Juliana Lima, a “Ju Thai”, em uma eliminatória que pode ocorrer na mesma semana em que o título da categoria estiver em jogo.

Tecia Torres contra Michelle Waterson

Pela primeira vez em sua carreira, Tecia Torres não teve seu braço levantado após uma luta oficial ao perder para Rose Namajunas em decisão unânime. Com isso, ela dá um passo atrás em sua pretensão de disputar o título, mas, como ainda é jovem, tem tempo para se recuperar. Para iniciar tal reabilitação, Torres pode enfrentar Michelle Waterson, em um duelo que já esteve fechado para o UFC 194, mas caiu por conta de uma lesão de Waterson.

Khabib Nurmagomedov contra o vencedor de Rafael dos Anjos-Eddie Alvarez

Como é bom ver Khabib Nurmagomedov de volta. O russo voltaria à ação após mais de dois anos afastado por conta de uma série de lesões enfrentando Tony Ferguson. Contudo, o americano se machucou e deu espaço para o estreante de última hora Darrell Horcher, que entrou como cordeiro sacrificial e foi atropelado até o árbitro interromper o combate no segundo round.

O resultado em si não adiciona nada ao currículo de Nurmagomedov na divisão, mas se tratou de uma boa forma de recuperar seu ritmo de luta. Agora, o russo deve se afastar do octógono no mínimo até setembro por causa do Ramadã e nada mais justo que, ao retornar, enfrente o vencedor da disputa de cinturão entre Rafael dos Anjos e Eddie Alvarez, que se enfrentam na semana do UFC 200.

Cub Swanson contra Chad Mendes

Depois de ser atropelado por Frankie Edgar e ser derrotado de forma convincente por Max Holloway, muito se perguntou sobre se esse era o fim do auge de Cub Swanson. Ao vencer Hacran Dias, ele provou que ainda é um top 10 da divisão dos penas e um bom porteiro para o top 5.

Para seu próximo compromisso, a ideia é que seja colocado frente a frente com Chad Mendes em um duelo que servirá para mostrar se ele ainda pode chegar a uma disputa de cinturão ou então funcionará para que Mendes se recupere dos dois nocautes sofridos em sequência e reencontre o caminho das vitórias.

Outra opção: Charles do Bronx.

Michael Chiesa contra o vencedor de Dustin Poirier-Bobby Green

Em uma atuação típica de sua carreira, Michael Chiesa teve dificuldades na luta em pé, mas conseguiu em um movimento derrubar Beneil Dariush, pegar suas costas e finalizá-lo com um mata-leão no segundo round.

Esta foi a terceira vitória consecutiva de Chiesa, que aparenta estar no melhor momento de sua carreira e preparado para adentrar o top 10 da divisão dos leves. Para conseguir tal objetivo, nada melhor do que eliminar um concorrente que esteja mirando o mesmo. Logo, se desenha um combate com o vencedor da luta entre Dustin Poirier e Bobby Green.

John Dodson contra Johnny Eduardo

John Dodson retornou à categoria em que venceu o TUF 14, depois de perder em duas oportunidades para o campeão dos moscas Demetrious Johnson, e nocauteou Manny Gamburyan em 47 segundos. Já sendo dono de uma vitória sobre o ex-campeão TJ Dillashaw, embora em uma época diferente, Dodson e sua velocidade insana e mão pesada para a divisão dos galos podem ser um acréscimo muito interessante. Cabe então testar o quão longe ele poderá ir, dando um teste de cada vez. Para começar a escalada, a sugestão é por um confronto com Johnny Eduardo.

Além dos duelos acima, seguem algumas sugestões para os outros envolvidos no card de sábado:

Darrel Horcher vs Horacio Gutiérrez
Hacran Dias vs vencedor de Andre Fili-Yair Rodriguez
Beneil Dariush vs perdedor de Dustin Poirier-Bobby Green
Raquel Pennington vs Liz Carmouche
Bethe Correia vs Valentina Shevchenko
Santiago Ponzinibbio vs Zak Cummings
Michael Graves vs Cláudio Hannibal
Randy Brown vs Omari Akhmedov
Manny Gamburyan vs Francisco Rivera
Cezar Mutante vs Dongi Yang
Oluwale Bamgbose vs Leonardo Leleco
Elizeu Capoeira vs Sheldon Westcott

E aí? Curtiram os casamentos? Deixem suas sugestões nos comentários.

  • Fulano de Tal

    So não gostei do casamento de luta para o rashad, a descisao sobre a categoria cabe ao lutador e não ao mathmaker, de resto tudo perfeito. Glover x Tonhão seria uma guerra épica, cub x Mendez outra.

    • Bom, o matchmaker oficial pode definir a mudança de categoria pelo simples fato dele ser chefe dos lutadores.

      No caso da nossa coluna, a ideia é dizer qual deveria ser o próximo passo, não forçar nada.

      • Fulano de Tal

        Entendi. Mas forçar não pode.

  • Anderson Cachapuz

    Gostei da evolução da Tecia.. ao mostrar mais agressividade….

    Acho que pra Bethe, a Schevchenko é um passo mto maior que a perna dela… vai perder fácil de novo e vai ficar com 3 derrotas seguidas na linha de tiro… eu colocaria algo mais acessível pra ela… como a Evans-Smith que tá sem combate e vem de vitória e acabou de ser rankeada, ou a vencedora de Randaime-Elmose….

    Rashad deveria descer mesmo… e estou de olho (e animado) com a evolução do Santiago… mesmo ele tendo vacilado um pouco na luta… torço mto pro argentino … mais do que mto brasileiro!! rs

    • João Gabriel Gelli

      Tecia é ótimo nome para a divisão. Tem muito tempo ainda de carreira para evoluir e superar a derrota. Acredito que eventualmente ela ainda dispute o cinturão.

      Talvez eu tenha pegado um pouco pesado com a Bethe mesmo hahaha.

      • Anderson Cachapuz

        porra.. TALVEZ?? rs

        Valentina venceu a Kaufmann… e tombou pro Amandão, que vai disputar a cinta agora… ambas em lutas super equilibradas…
        Ou seja: tá fazendo oposição à gente muito mais qualificada que a Bethe… q só foi parar lá por uma questão de oportunidade e momento… quase destino… rs

  • Beto Magnun

    Glover vs AJ (SANGUEEEE)
    Rashad vs Aposentadoria ou perdedor de Shogun vs Anderson
    Namajunas vs Letourneau
    Torres vs Waterson
    Normagomedov vs Fergunson ou vencedor de Pettis vs Barbosa
    Horcher vs Trujillo (QUERO MAIS SANGUEEEE)
    Swanson vs Bermudez
    Chiesa vs Michael Johnson
    Dodson vs Eduardo ou vencedor de Lineker vs Font

    • João Gabriel Gelli

      Eu tinha pensado em colocar o perdedor de Shogun-Anderson como outra opção na coluna, mas esqueci hahaha.

      Acho que você foi um pouco cruel com o Horcher hahaha.

  • James sousa 8

    Glover vs Rumble
    Rashad vs Shogun
    Namajunas vs contra a vencedora de Carla Esparza-Juliana Lima
    Tecia Torres vs Perdedora de Esparza vs Juliana Lima
    Khabib vs vencedor de Rafael vs Eddie Alvarez
    Cub Swanson vs Charles Oliveira
    Chiesa vs Melendez ou Tony Ferguson
    Dariush vs perdedor de Poirer vs Green
    Raquel Pennigton vs Valentina Schevcenko
    Bethe Correia vs perdedora de Jessica Eye vs SaraMcMann
    Dodson vs Johnny Eduardo

  • Bruno Fares

    Ninguém pra enfrentar o tal Demissão dessa vez?

    Bonzinho esse colunista!

    • Thiago Kuhl

      É que o Mutante venceu, se ele perde o João já coloca até o manual do FGTS na coluna.

    • João Gabriel Gelli

      O Mutante era o com maior risco no card. O único aí que poderia enfrentar este temido adversário é o Omari Akhmedov.

    • Demissão tá de suspensão médica, tem sido muito escalado.

  • Thiago Kuhl

    Acho que ainda veremos Khabib x Tony Fergunson.

    Se o McGregor vencer o Diaz no UFC 200 um dos desfechos prováveis é que ele lute contra o campeão dos leves no UFC em NY.

    Independente do fato do Rafael manter o cinturão, acho que o UFC não vai colocar o Khabib na frente do McGregor, portanto acho que teremos Khabib x Fergunson na mesma época de Mcgregor x Dos Anjos-Alvarez para que os vencedores se enfrentem em 2017 (Super Bowl ou Memorial Day)

    Enfim. Khabib vai acabar “pagando” ainda mais pelo tempo parado e pelo Ramadã.

    Aguardamos cenas dos próximos capítulos.

    • João Gabriel Gelli

      Esse seu cenário é bem possível e bastante provável, mas meu objetivo na coluna não é prever o que vai acontecer e sim avaliar qual deveria ser o caminho. Por mais que com uma vitória do McGregor no UFC 200 ele consiga uma disputa contra o vencedor de Dos Anjos – Alvarez, o certo mesmo seria ele defender o cinturão dos penas.

      E você fala só do Conor, mas se o Nate ganha dele mais uma vez, fica cheio de moral pra pedir um title shot.

  • Marcos Henrique Lira

    Ótimos casamentos. Seria muito sensato o evans baixar de peso. Agora mesmo torcendo para o Rafael dos anjos, o jogo do russo dificulta de mais para o brasileiro. Daria 50/50 Infelizmente.

  • Thiago de Carvalho

    Rashad Evans vs Anderson Silva venderia muito bem! Dana Branco ia gostar muito.

    • Eu meteria essa luta na FOX.

      • Thiago de Carvalho

        E o mais legal é que, mesmo com os dois estando com idade avançada, ainda não é um freakshow como Bellator tem feito

  • Jefferson Bruno

    Glover vs Johnson
    Rashad 93 kg : perdedor de Shogun – Anderson / 84 kg : vencedor de Spider – Hall
    Namajunas vs a vencedora de Esparza – Juliana
    Torres vs Letourneau
    Khabib vs champion
    Horcher vs o vencedor de Polo Reyes – Kim
    Swanson vs Mendes
    Hacran vs Tatsuya Kawajiri
    Chiesa vs o vencedor de Poirier – Green
    Dariush vs o perdedor de Poirier – Green
    Pennington vs Shevchenko
    Bethe vs Lauren Murphy
    Ponzinibbio vs Siyar Bahadurzada
    McGee vs Alex Morono
    Michael Graves vs Sexyama
    Brown vs Vicente Luque
    Dodson vs o vencedor de Lineker – Font
    Gamburyan vs Pedro Munhoz
    Mutante vs Dongi Yang
    Bamgbose vs James Te Huna (assassinato?)
    Capoeira vs o vencedor de Danny Roberts – Dominique Steele
    Akhmedov vs o vencedor de Leon Edwards – Dominic Waters