Por Bruno Costa | 25/03/2019 00:38

Um combate de final espetacular na luta principal da noite marcou a passagem do octógono pelo Tennessee, para o UFC Nashville, evento que também contou com resultados relevantes para a próxima atualização do ranking.

Chegamos ao momento de análises e previsões sobre os próximos passos dos protagonistas das principais lutas da noite e prospectos que podem trazer impacto em suas categorias:

Anthony Pettis vs. Conor McGregor

O ex-campeão do peso leve Anthony Pettis protagonizou mais um momento espetacular no octógono ao nocautear um dos mais respeitados strikers do peso meio-médio. Muito embora tenha vencido um top 3 da categoria de maneira estrondosa, Pettis não deve optar por uma corrida nesta faixa de peso, uma vez que no primeiro teste contra um wrestler de boa força física lhe renderia muitas dificuldades. A opção aqui é por DEIXAR OS GAROTO BRINCÁ e escalar Pettis contra outro ex-campeão, Conor McGregor, que, pelo estilo de luta do eventual adversário, poderia topar voltar ao octógono.

Stephen Thompson vs. Vicente Luque

O “Wonderboy” Stephen Thompson não teve sucesso em duas disputas de cinturão contra Tyron Woodley (na segunda ocasião, com direito a decisão controversa, mas de desempenho tão esquecível que não dá ao carateca o direito de reclamação). Mais um desempenho longe do ideal e nova derrota controversa quando enfrentou, na sequência, Darren Till. Contra Pettis, uma derrota acachapante, para não restar qualquer dúvida quanto à distância de uma nova oportunidade de disputa pelo título do peso meio-médio. Nesse novo cenário, Thompson se consolida como candidato a testar os talentos que vão chegando à parte de cima do ranking da categoria, exatamente o caso de Vicente Luque.

Outra opção: Robbie Lawler, torcendo para que o diabo consiga levar a luta a Thompson.

Curtis Blaydes vs. Stipe Miocic

Um jovem e talentoso peso pesado, consolidado como top 5 da categoria. Um ex-campeão que bateu vários dos lutadores relevantes da divisão, mas saiu derrotado de maneira acachapante pelo atual campeão e tem dificuldades em achar adversário para volta ao octógono. Um combate entre Curtis Blaydes e Stipe Miocic faz sentido demais para não ser agendado.

Jussier Formiga vs. Henry Cejudo ou Joseph Benavidez

O potiguar Jussier Formiga venceu sem deixar qualquer margem para dúvidas os últimos quatro desafios na esvaziada divisão dos moscas. Tendo demonstrado evolução, inclusive na luta em pé, o brasileiro faz por merecer a oportunidade de lutar pelo cinturão da categoria. Caso Henry Cejudo seja escalado para a disputa do título do peso galo, o próximo adversário de Formiga deve ser Joseph Benavidez, talvez até mesmo pela disputa do cinturão interino.

Maycee Barber vs. Gillian Robertson

Com apenas 20 anos e muito talento para desfilar nos próximos anos no octógono, Maycee Barber venceu um bom desafio contra JJ Aldrich, mostrando buracos na defesa, capacidade de adaptação e ofensividade que são notórios em seu jogo. Não há motivos para apressar o desenvolvimento de Barber, então um duelo contra Gillian Robertson traria mais experiência contra oponente acessível e de nível razoável antes de uma próxima adversária já ranqueada.

Outras sugestões de combates

Justin Willis vs. vencedor de Tai TuivasaBlagoy Ivanov
Deiveson Figueiredo vs. vencedor de Alexandre PantojaWilson Reis
Marlon Vera vs. Alejandro Perez
Jennifer Maia vs. Andrea Lee
Randa Markos vs. Felice Herrig

Sugestões de lutas para os demais integrantes do card? Contamos com sua participação na caixa de comentários.