Por Bruno Costa | 03/02/2019 19:56

Duas lutas de alta relevância e nível técnico fecharam o divertido card realizado em Fortaleza. Chegamos ao momento de análises e previsões sobre os próximos passos dos protagonistas das principais lutas do UFC Fortaleza, além de prospectos que também podem causar impacto em suas categorias.

Marlon Moraes vs. Vencedor de TJ Dillashaw vs. Henry Cejudo

Marlon Moraes se colocou em posição clara de próximo desafiante ao cinturão do peso galo do UFC com ótimas vitórias por interrupção sobre competição de alto nível. Levando-se em conta uma provável revanche entre TJ Dillashaw e Henry Cejudo – agora valendo o título dos galos – Moraes deve esperar pelo vencedor do duelo.

José Aldo em Curitiba

O ex-campeão dominante merece ter sua vontade respeitada e ser escalado no próximo evento do UFC que acontecerá no país. No momento, José Aldo claramente não se preocupa em perseguir uma disputa de título a todo custo. Parece disposto até mesmo a fazer uma aparição como peso leve, tendo mencionado nominalmente Anthony Pettis, que aceitou o desafio em suas redes sociais.

Aqui, registre-se que optamos por não indicar o confronto nessa coluna por incerteza quanto à possibilidade de Pettis liderar um evento lutando 5 rounds em 23 de março e voltar ao octógono em 11 de maio no Brasil.

Renato Moicano vs. Josh Emmett

Renato Moicano é um jovem talento do peso pena e precisa de um adversário de bom nível que dê chance de recuperação no próximo desafio. Josh Emmett é um integrante do top 10 com bom casamento de estilos e duro o suficiente para recolocar o brasileiro em boa posição caso saia vitorioso.

Demian Maia vs. Vencedor de Elizeu Capoeira vs. Curtis Millender

Demian Maia reencontrou o caminho das vitórias e parece disposto a finalizar seu contrato de duas lutas restantes com a organização. No momento atual da carreira, o brasileiro seria bem aproveitado testando talentos recém chegados ao top 15 que necessitam afirmação na defesa de quedas, como o que sairá vencedor no duelo entre Elizeu Capoeira e Curtis Millender.

Charles do Bronx vs. Kevin Lee

Charles do Bronx faz por merecer um adversário integrante do ranking após uma boa sequência de vitórias em seu retorno ao peso leve. Kevin Lee precisa dar passos atrás após sair derrotado em seu último combate, a fim de tentar retomar o caminho das vitórias. O duelo parece à medida para ambos e promete agressividade na luta em pé e muita movimentação no solo.

Johnny Walker vs. Ion Cutelaba

O brasileiro Johnny Walker chegou ao UFC com duas boas vitórias rápidas por nocaute, mostrando potência e atleticismo em uma divisão rasa. Um duelo contra Ion Cutelaba é garantia de violência e decide quem parte para maiores desafios no meio-pesado.

Livinha Souza vs. Vencedora de Jodie Esquibel vs. Jessica Penne

Livinha Souza pode ser considerada como prospecto da categoria peso palha, mas teve uma atuação em que apresentou dificuldades excessivas – além de falhas técnicas e de preparo físico – mesmo se descontando a gigantesca vantagem de peso de Sarah Frota (que falhou bizarramente ao tentar atingir o limite da categoria e excedeu em 3,2kg a marca).

Por esse motivo, com o fim de não queimar etapas na evolução de uma atleta promissora, Livinha avança menos casas que o planejado inicialmente e enfrentaria a vencedora do confronto entre as mais experientes, porém instáveis, Jodie Esquibel e Jessica Penne.

Outras sugestões de combates:

Raphael Assunção vs. Vencedor de Cody Garbrandt/Pedro Munhoz

David Teymur vs. Perdedor de Carlos Diego Ferreira/Rustam Khabilov

Markus Maluko vs. Kevin Holland

Mara Romero Borella vs. Jessica-Rose Clark

Max Griffin vs. Perdedor de Niko Price/Tim Means

Jairzinho Rozenstruik vs. Vencedor de Marcos Pezão/Stefan Struve

Said Nurmagomedov vs. Cory Sandhagen

Ricardo Carcacinha vs. Perdedor de Marlon Vera/Frankie Saenz

Rogério Bontorin vs. Ryan Benoit

Sugestões de lutas para os demais integrantes do card? Contamos com sua participação na caixa de comentários.