Por Matheus Costa | 12/11/2018 17:03

O evento comemorativo de 25 anos do UFC não foi tão valorizado pela organização na hora da montagem do card, que precisava de maiores estrelas para corresponder com a magnitude e o significado da ocasião. Entretanto, a luta principal entregou um momento memorável para os fãs de MMA: o absurdo nocaute de Yair Rodriguez sobre o Zumbi Coreano no último segundo da luta principal da noite.

Mas este não foi o único destaque positivo da noite de comemorações. Donald Cerrone ressurgiu das cinzas e finalizou Mike Perry, o atropelo de boas vindas de Beneil Dariush ao estreante Thiago Moisés e mais algumas boas atuações que fizeram parte do evento.

Cabe a coluna do MMA Brasil Matchmaker dar opções de próximos passos a cada atleta que fez parte do evento em Denver, Colorado.

Yair Rodriguez vs. Zabit Magomedsharipov

Yair, Yair. Que homem você é. Senti sua falta, sabia? Fica, vai ter bolo!

Mas agora vamos falar sério. Yair Rodriguez não é o melhor lutador da categoria dos penas e talvez nem chegue a experimentar o gosto do top 5 do ranking. Sua missão neste maravilhoso conglomerado de talentosos lutadores que pesam 66kg será de trazer clássicos, assim como o mexicano fez com o “Zumbi Coreano” no último sábado.

Tendo dito, por que não partir do ponto que quase fez com que Yair fosse demitido? Um confronto com o russo Zabit Magomedsharipov. Por mais que o meu lado racional diga que Zabit usaria seu ótimo sambô e destruiria o mexicano com certa facilidade no chão, é um confronto que faz sentido e que, aparentemente, interessam as partes. Agora é a hora.

“Zumbi Coreano” Chan Sung Jung vs. Josh Emmett

A atuação do Zumbi Coreano contra o mexicano era muito boa até ser nocauteado com um dos golpes mais bizarramente fantásticos da história do esporte. Portanto, Chan Sung Jung cai no ranking, mas não muito. Não há necessidade alguma dele ser inserido contra um adversário de um nível muito inferior para recuperar a confiança. Vamos colocá-lo contra um top 10: Josh Emmett.

Desde seu retorno do serviço militar de seu país natal, o atleta somou uma vitória sobre Dennis Bermudez e agora foi superado por Yair Rodriguez, com boas atuações nas duas oportunidades. Enquanto isso, Josh Emmett cresceu na categoria dos penas após nocautear brutalmente o experiente Ricardo Lamas, embora tenha sido apagado por Jeremy Stephens de forma tão brutal quanto.

Ambos ocupam posições próximas no ranking dos penas e certamente entregariam uma luta bem animada para os fãs, além de fazer muito sentido esportivamente. Dois bons trocadores, com dois bons wrestlings e sem fraquezas gritantes.

Donald Cerrone vs. Anthony Pettis 2

Em 2013, Cerrone e Pettis se enfrentaram num momento em que ambos estavam no auge de suas carreiras. Cinco anos depois, os momentos e as circunstâncias dos lutadores são bem diferentes. Mas com o iminente retorno de Cerrone, que já afirmou que irá descer de categoria rumo aos leves, além de indicar que já tem uma oferta de uma luta “animadora” na nova-velha categoria, por que não um reencontro com um ex-campeão?

É fato que Cerrone não irá brigar pelo cinturão considerando o seu declínio físico e técnico dos últimos tempos. Sua função será de porteiro, assim como fazia nos meios-médios, ou para lutas divertidas com lutadores de meio de tabela. Assim como Pettis, que se tornou um porteiro de luxo na categoria e ainda entrega ótimas lutas, assim como seu embate sangrento com Tony Ferguson. Violência!

Germaine de Randamie vs. Ketlen Vieira

Não há muito o que fazer com a ex-campeã dos penas Germaine de Randamie depois de seu triunfo contra a ex-desafiante dos galos. Com a ida de Holly Holm para a categoria dos penas e o hiato de Julianna Peña da categoria, não resta mais ninguém para a holandesa enfrentar, com exceção da brasileira Ketlen Vieira num title eliminator.

Enquanto a campeã sobe da categoria para uma super luta com Cris Cyborg, de Randamie e Vieira se enfrentariam para definir a próxima desafiante do peso galo, que está estagnado e precisa de certa renovação de desafiantes. Mesmo que a moral de Germaine com o UFC deva estar no chão após seu problema na época que tinha o cinturão dos penas em suas mãos, não há mais nada o que fazer. Sua boa atuação contra ex-desafiante da categoria deixou o UFC sem opções plausíveis.

Confira agora todas as lutas para cada participante do UFC Fight Night 139:

Mike Perry vs. Vencedor de Curtis Millender vs. Siyar Baharduzada

Raquel Pennington vs. Aspen Ladd

Beneil Dariush vs. Vencedor de Bobby Green vs. Drakkar Klose

Thiago Moisés vs. Luiz Peña

Maycee Barber vs. Emily Whitmire

Hannah Cifers vs. Polyana Viana

Mike Trizano vs. Nick Hein

Ashley Yoder vs. Marina Rodriguez

Amanda Cooper vs. Demissão

Bobby Moffett vs. Gilbert Melendez

Chas Skelly vs. Gavin Tucker

Davi Ramos vs. Scott Holtzman

John Gunter vs. Julian Erosa

Devonte Smith vs. Vencedor de Jared Gordon vs. Joaquim Silva

Eric Shelton*

Joseph Morales*

Mark De La Rosa vs. Vencedor de Guido Cannetti vs. Marlon Vera

Joby Sanchez vs. Demissão

*Com o iminente fim da categoria do peso mosca no UFC e sem a definição do futuro dos lutadores, a coluna não irá sugerir lutas para estes lutadores.

Editor do MMA Brasil. Fundador e editor-chefe do extinto Olimpo MMA. 20 anos, carioca, fanático por esportes.