MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC Fight Night 121

O UFC Fight Night 121 trouxe a segunda vitória de Fabricio Werdum em pouco mais de um mês. Será que é o suficiente para colocá-lo numa nova disputa de cinturão? Confira as respostas para esta e outras perguntas no MMA Brasil Matchmaker.

Depois de dois eventos de alto nível, a programação do UFC Fight Night 121 não prometia a noite mais empolgante. Apesar de algumas pancadarias divertidas, o card liderado pelo embate entre os pesos pesados Fabricio Werdum e Marcin Tybura acabou entregando lutas boas, mas esquecíveis.

Agora, passado o evento, chega a hora de incorporar o matchmaker interno e analisar o que o futuro reserva aos principais envolvidos nas lutas de sábado.

Fabricio Werdum contra Alexander Volkov

Há pouco mais de um mês, Fabricio Werdum vencia Walt Harris sem a menor resistência no UFC 216. Isso o deixou apto a substituir Mark Hunt e encarar Marcin Tybura na luta principal do evento desse sábado. O duelo transcorreu basicamente como 23 minutos de kickboxing e dois de luta agarrada, e o ex-campeão saiu vitorioso em decisão unânime.

Este foi o segundo triunfo seguido de Werdum, que está tentando se recolocar na rota de uma disputa de cinturão. Com outros adversários na sua frente na fila, ele deve continuar lutando contra concorrência do top 10 para seguir atrás do objetivo. Assim, a sugestão é por um embate com Alexander Volkov, que posicionaria o ganhador em uma eliminatória.

Marcin Tybura contra Oleksiy Oliynyk

A chance de Marcin Tybura invadir a elite do peso pesado não correu como o previsto para ele, que acabou superado em decisão unânime por Fabricio Werdum. A derrota quebrou uma sequência de três vitórias do ex-campeão do M-1 Challenge e faz com que ele dê alguns passos para trás na categoria. Contudo, numa divisão rasa, Tybura mostrou talento suficiente para ficar na briga próximo ao top 10. Com isso em mente, a opção é colocá-lo num confronto com Oleksiy Oliynyk para reposicionar um dos dois em nova corrida rumo ao top 5.

Alexander Volkanovski contra Jeremy Kennedy

Um dos integrantes do Top 10 do Futuro do peso pena, Alexander Volkanovski teve mais uma atuação dominante contra o substituto de última hora Shane Young. Com um plano tático seguro, ele usou as quedas e o ótimo controle posicional para sair com a vitória por decisão unânime. Já com três triunfos em igual número de lutas contra concorrência mais fraca no UFC, Volkanovski deve subir um degrau e encarar aquele que seria seu oponente original neste sábado, Jeremy Kennedy. Dessa forma, o vencedor deste duelo estará pronto para um salto para enfrentar adversários próximos ao top 15.

Além dos duelos acima, seguem algumas sugestões para os outros envolvidos no card de sábado:

Jessica Rose-Clark vs. Nadia Kaseem
Bec Rawlings vs. demissão
Belal Muhammad vs. Sean Strickland
Tim Means vs. vencedor de Li Jingliang – Zak Ottow
Jake Matthews vs. vencedor de Sheldon Westcott – Danny Roberts
Bojan Velickovic vs. Court McGee
Elias Theodorou vs. vencedor de Eryk Anders – Markus Maluko
Dan Kelly vs. vencedor de Andrew Sanchez – Ryan Janes
Shane Young vs. vencedor de Wuliji Buren – Rolando Dy
Ryan Benoit vs. Joseph Morales
Ashkan Mokhtarian vs. Jenel Lausa
Nik Lentz vs. Olivier Aubin-Mercier
Will Brooks vs. demissão
Tai Tuivasa vs. Adam Wieczorek
Rashad Coulter vs. Chris De La Rocha
Frank Camacho vs. vencedor de Chris Gruetzemacher – Davi Ramos
Damien Brown vs. perdedor de James Krause – Alex White
Alex Chambers vs. Pearl Gonzalez
Eric Shelton vs. Matt Schnell
Anthony Hamilton vs. demissão

E aí? Curtiram os casamentos? Deixem suas sugestões nos comentários.

  • Luis Coppola

    – Werdum x Volkov valendo TS ; Tybura x Hunt
    – Rose x Caseem ; Bec demissão
    – Belal x Alberto Miná ; Means x vencedor Erick/Mein
    – Mathews x vencedor Laprise/Bofando ; Velickovic demissão
    – Afrodite x Cara de Sapato ; Kelly aposentadoria
    – Volkanovski x Jeremy Stephens (UFC Perth) ; Young x vencedor Buren/Dy
    – Benoit x vencedor Smoulka/Nicolau ; Mokhtarian x Shelton
    – Lentz x Léo Santos ; Brooks demissão
    – Tuivasa x Wieczorek ; Coulter demissão
    – Camacho x Nuguette ; Brown x Tony Martin

  • James sousa

    Will Brooks foi uma das maiores decepções recentes do UFC se for demitido será justíssimo

  • Josney Stocch Ramos

    Tirando o casamento de luta do Theodorou contra o vencedor do duelo entre de Eryk Anders – Markus Maluko acho que o resto dos casamentos está legal

    • João Gabriel Gelli

      Por que não gostou desse?

      • Josney Stocch Ramos

        Apesar de ser uma luta de invictos, o Eryk tem apenas uma luta no UFC, batendo um decadente Rafael Natal que já vinha de duas derrotas seguidas e o Markus está estreando no evento e pegou a luta de ultima hora, apesar de já ter batido nomes como Paulo Thiago e Ildemar Marajó. O Theodorou, tem 8 lutas no evento, sendo 6 vitórias.
        Acho que o vencedor deve fazer uma ou duas lutas contra a parte de baixo da divisão antes de enfrentar um porteiro do top 15, (caso do Spartan).
        Mas é apenas minha opinião pessoal, tenho experiencia nula em casar eventos kkk

        • João Gabriel Gelli

          É que acho o Anders e o Maluko dois possíveis bons nomes pra divisão. Botar contra um porteiro do top 15 me parece razoável, mas nada contra mais uma luta antes também. Acho que não tem erro em nenhum dos caminhos.