MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC Fight Night 115

O UFC Fight Night 115 movimentou a tarde de sábado para o público brasileiro que optou por prestigiá-lo. Agora, é hora de avaliar qual a proximidade de Alexander Volkov de uma disputa de cinturão no peso pesado, além de outros confrontos futuros.

Apesar de os nomes envolvidos no UFC Fight Night 115 não fossem capazes de atrair interesse do público em geral, o card holandês entregou entretenimento de bom nível, sobretudo em sua porção preliminar. Disputado na Ahoy Rotterdam, o evento foi liderado pelo duelo do dono da casa Stefan Struve com Alexander Volkov, em um embate relevante para o cenário atual do peso pesado.

LEIA MAIS Resenha MMA Brasil: UFC Fight Night 115

Agora, passado o evento, chega a hora de incorporar o matchmaker interno e analisar o que o futuro reserva aos principais envolvidos nas lutas de sábado.

Alexander Volkov contra o vencedor de Mark Hunt-Marcin Tybura

Ex-campeão dos pesados do Bellator e do M-1 Challenge, Alexander Volkov está em forte sequência desde que chegou ao UFC. Neste sábado, o russo conquistou sua terceira vitória na organização ao nocautear Stefan Struve no terceiro round. A série positiva o alça a uma posição de destaque na categoria, ainda mais por se tratar de um nome novo e jovem no cenário. Assim, Volkov deve estar a cerca de dois triunfos de uma disputa de cinturão e pode se colocar ainda mais próximo dela se enfrentar e superar o vencedor do embate entre Mark Hunt e Marcin Tybura.

Outra opção: vencedor de Fabricio Werdum-Derrick Lewis

Stefan Struve contra o vencedor de Junior Albini-Andrei Arlovski

Ao chegar com duas vitórias consecutivas no evento de sábado, Stefan Struve teve uma de suas maiores oportunidades de alcançar um posto próximo ao top 5 dos pesados. Contudo, o nocaute que sofreu para Alexander Volkov freou as pretensões e o colocou de volta na estaca zero. Por isso, o gigante holandês deve pegar um adversário mais abaixo no ranking da divisão, que pode ser aquele que sair vitorioso do embate entre Junior Albini e Andrei Arlovski.

Marion Reneau contra Germaine de Randamie

Com o camp voltado para encarar uma adversária grande e com foco na luta em pé, Marion Reneau viu sua situação mudar ao ser alçada para enfrentar uma grappler que entrou de última hora no embate em Talita Oliveira. Conforme esperado, a veterana saiu com o triunfo ao anotar um nocaute técnico sobre a exaurida brasileira a menos de dez segundos do término do combate. Após a vitória, a sugestão é que o confronto com Germaine de Randamie seja reagendado.

Além dos duelos acima, seguem algumas sugestões para os outros envolvidos no card de sábado:

Siyar Bahadurzada vs. Nordine Taleb
Rob Wilkinson vs. Charles Byrd
Talita de Oliveira vs. Gina Mazany
Leon Edwards vs. Gunnar Nelson
Bryan Barberena vs. Randy Brown
Darren Till vs. vencedor de Sean Strickland-Court McGee
Bojan Velickovic vs. vencedor de Keita Nakamura-Alex Morono
Mairbek Taisumov vs. Paul Felder
Felipe Silva vs. Mads Burnell
Michel Trator vs. Rustam Khabilov
Desmond Green vs. Thibault Gouti
Aleksandar Rakic vs. vencedor de Gokhan Saki-Henrique Frankenstein
Francimar Bodão vs. Paul Craig
Zabit Magomedsharipov vs. vencedor Andre Fili-Artem Lobov
Mike Santiago vs. Michel Quiñones
Abdul-Kerim Edilov vs. Jeremy Kimball
Bojan Mihajlovic vs. demissão
Andrew Holbrook vs. demissão

E aí? Curtiram os casamentos? Deixem suas sugestões nos comentários.

  • Sobre Taisumov vs. Felder: nunca te pedi nada, UFC. Por favor. Só faça.

    Concordo com quase tudo, mas eu demitiria o Bodão.

    • Hyury De Carvalho Rabêlo

      Taisumov vs Felder : JUST BLEED!!!

  • James sousa

    Gostei da opção de Edwards x Nelson

  • Sexto Empírico

    Bodão deveria encarar a demissão. Luta dele ninguém merece.
    O Struve, depois dessa, merece ser rebaixado pra série B. Bellator nele!
    Trator vs alguém da categoria dele, chega de bater em pesos mais leves.
    Edwards x Nelson e Taisumov x Felder, lutaças. Fechei com elas. Q o UFC te ouça!

  • Gabriel Carvalho

    Eu demitiria o Wilkinson também.

    • Idonaldo Gomes Assis Filho

      Coitado kk, tanto freak que recebeu uma segunda chance