MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC 211

MMA Brasil Matchmaker: Lutas a casar após o UFC 211
MMA

O melhor card do ano no papel entregou grandes momentos. Após o UFC 211, diversos novos caminhos se abriram. Contra quem Stipe Miocic tentará quebrar o recorde de defesas dos pesados? Está na hora de Junior Cigano se aposentar? Confira as respostas para estas e outras perguntas no MMA Brasil Matchmaker.

O UFC 211 marcou o melhor card da maior organização do MMA mundial até o momento em 2017, com duas disputas de cinturão. Liderado pela revanche entre Stipe Miocic e Junior Cigano pelo título dos pesados, o evento ainda contou com o confronto entre Joanna Jedrzejczyk e Jessica Andrade, na quinta defesa da polonesa campeã do peso palha. Além disso, nomes como Demian Maia, Frankie Edgar e Eddie Alvarez compuseram o restante da excelente noite de lutas.

LEIA MAIS Stipe Miocic passa por cima de Junior Cigano no UFC 211 e iguala recorde

Agora, passado o evento, chega a hora de incorporar o matchmaker interno e analisar o que o futuro reserva aos principais envolvidos nas lutas de sábado.

Stipe Miocic contra Cain Velasquez

A luta principal do UFC 211 viu o campeão dos pesados Stipe Miocic se vingar da derrota para Junior Cigano e igualar o recorde de defesas de cinturão da categoria no UFC, com duas. Para tentar se isolar como o campeão de maior reinado, surgem duas opções para Miocic. Na primeira delas, ele encararia o vencedor do embate entre Fabricio Werdum e Alistair Overeem, ambos nocauteados pelo campeão em 2016. Já na segunda, e preferida da coluna, seu próximo adversário seria Cain Velasquez, outro detentor do recorde e considerado pela maioria dos analistas o melhor atleta na divisão, além de ser um rival inédito.

Junior Cigano contra Stefan Struve

Os últimos anos foram cruéis para a saúde a longo prazo de Junior Cigano, com duas surras homéricas para Cain Velasquez e nocautes pesados pelas mãos de Alistair Overeem e, agora, Stipe Miocic. Com o revés deste sábado, o provável é que o brasileiro tire mais um período de folga e retorne contra um nível de concorrência um pouco mais abaixo, mantendo-se ativo, mas sem muito risco. Neste cenário, um casamento possível seria uma revanche contra Stefan Struve ou então duelos com Derrick Lewis ou Alexander Volkov.

Outra opção: aposentadoria.

Joanna Jedrzejczyk contra Rose Namajunas

Ao superar Jessica Andrade sem deixar margem para outro tipo de resultado, Joanna Jedrzejczyk chegou à quinta defesa bem sucedida do cinturão do peso palha. O triunfo reforça ainda mais sua posição como o nome a ser batido na divisão e foi um grande passo para varrer a primeira leva de desafiantes. Dessa forma, a categoria se encontra em fluxo no momento, com algumas opções para o futuro da polonesa.

Primeiramente, Joanna pode tirar férias para deixar novas adversárias surgirem e a divisão se desenvolver um pouco. Em seguida, ela poderia esperar Rose Namajunas como potencial oponente, caso esta consiga mais uma vitória. Outra possibilidade é um confronto com Maryna Moroz, se esta superar Carla Esparza. Além disso, o confronto do UFC 212 entre Claudia Gadelha e Karolina Kowalkiewicz, as duas que levaram mais perigo ao reinado da polonesa, pode valer uma revanche para a segunda ou deixar a primeira mais perto de uma terceira chance de vencer sua maior rival. Com todos estes caminhos levantados, o de maior probabilidade para o futuro em curto prazo é o embate com Namajunas.

Jessica Andrade contra Randa Markos

Após decidir baixar do peso galo para o palha, Jessica Andrade encontrou sucesso imediato, despachando três oponentes ranqueadas sem passar maiores sufocos. Contudo, o nível de competição cresceu drasticamente quando ela foi alçada para disputar o cinturão contra Jedrzejczyk, que aplicou uma surra impiedosa rumo a uma larga derrota por decisão. Forte candidata a povoar a recém-anunciada categoria peso mosca, a brasileira pode optar por mais um combate na atual divisão, com um duelo contra Randa Markos fazendo sentido no momento.

Demian Maia contra Tyron Woodley

Defendendo a maior série de vitórias ativa na categoria, Demian Maia conseguiu superar um oponente de estilo complicado em Jorge Masvidal e chegou ao sétimo triunfo consecutivo. Único na elite da divisão com uma sequência significante, finalmente chega a hora de o brasileiro disputar o cinturão. A expectativa é de que, na próxima vez que Demian entrar no octógono, será para enfrentar o campeão Tyron Woodley.

Jorge Masvidal contra vencedor de Rafael dos Anjos-Tarec Saffiedine

Depois de três vitórias consecutivas, Jorge Masvidal se aproximou de uma disputa de cinturão nos meios-médios. No entanto, seus avanços foram interrompidos ao enfrentar Demian Maia. O americano teve suas chances durante o combate, mas acabou cedendo brechas o suficiente para o brasileiro aplicar seu jogo. Assim, saiu derrotado por decisão dividida. Ainda um top 10 na divisão, uma luta interessante para Masvidal pode ser contra o vencedor do embate entre Rafael dos Anjos e Tarec Saffiedine, com o objetivo de provar que merece estar em tal posição.

Frankie Edgar contra Ricardo Lamas

Colocado em um papel de porteiro para o talento em ascensão na divisão dos penas, Frankie Edgar freou categoricamente o prospecto Yair Rodríguez. Usando quedas e um violento ground and pound, Edgar deixou o olho do mexicano em uma situação tão feia que obrigou o médico a interromper o combate no intervalo do segundo para o terceiro round. Agora, o ex-desafiante deve ter virado fã de carteirinha de Max Holloway, uma vez que sua maior chance de disputar novamente o cinturão passa por uma vitória do havaiano contra José Aldo, no UFC 212. Caso Aldo triunfe, uma terceira luta entre os dois não deve estar nos planos imediatos, o que deve forçar o ex-campeão dos leves a buscar mais um adversário na elite da divisão, com Ricardo Lamas surgindo como uma opção inédita.

Eddie Alvarez contra Dustin Poirier

Em uma luta que parecia estar bem encaminhada para tomar contornos épicos, Eddie Alvarez acertou um par de joelhadas ilegais que deixou Dustin Poirier sem condições de seguir no duelo que fechou o card preliminar do evento. Com isso, o embate terminou em controvérsia, com a maior parte do público acreditando que o ex-campeão deveria ter sido desclassificado, mas o árbitro Herb Dean declarou a luta sem resultado (no contest). Como os dois já demonstraram interesse em repetir o confronto, a sugestão é de que acertem as contas em uma eventual luta principal de Fight Night.

Além dos duelos acima, seguem algumas sugestões para os outros envolvidos no card de sábado:

David Branch vs. Ronaldo Jacaré
Krzysztof Jotko vs. Sam Alvey
Jason Knight vs. Brian Ortega
Chas Skelly vs. Yair Rodríguez
Chase Sherman vs. Dmitry Poberezhets
Rashad Coulter vs. Daniel Spitz
James Vick vs. Michel Trator
Polo Reyes vs. Jason Saggo
Cortney Casey vs. perdedora de Claudia Esparza-Maryna Moroz
Jessica Aguilar vs. Heather Jo Clark
Enrique Barzola vs. Zubaira Tukhugov
Gabriel Benítez vs. Charles Rosa
Gadzhimurad Antigulov vs. Francimar Bodão
Joachim Christensen vs. Ion Cutelaba

E aí? Curtiram os casamentos? Deixem suas sugestões nos comentários.

  • Lero

    Masvidal podía pegar um Wonderboy da vida…

    • João Gabriel Gelli

      Podia. Seria uma lutaça.

    • Nono Empírico

      Sería uma lutaça que jogaria um dos dois para um limbo dentro da categoria… :/

      • Malk Suruhito

        Dependendo de como desenrolasse a luta. Pena que o Rory se foi. Qualquer combinação destes 3 seria épico.

      • Mas teriam tempo pra se recuperar.

  • Sexto Empírico

    O loko, aposentadoria pro Cigano, não. É o ganha pão do cara e ele ainda é bem jovem. Ainda dá muita luta boa. Esquece o título por uns tempos e foca em melhorar o jogo e, principalmente, retomar a confiança.

    Demian vs vencedor de Woodley x GSP.

    Edgar deveria tentar descer, fazer uma luta e tentar um TS. O mesmo pro Alvarez.

    • João Gabriel Gelli

      A aposentadoria do Cigano tem mais a ver com os danos que ele já sofreu no octógono, não com a habilidade, que ainda é de top 5, mas o cara precisa pensar na saúde a longo prazo.

      • Nono Empírico

        Eu não acompanho muitas entrevistas pq na maioria das vezes os jornalistas de MMA, salvo raras exceções, só perguntam groselha, mas alguém já perguntou para o Cigano a opinião dele sobre a possibilidade de o Velásquez ter acabado com o queixo de aço que ele tinha?

        • Sei nem se o Cigano tem capacidade pra fazer essa análise. Mas, pelo que temos visto, a capacidade de absorção de golpes foi pra vala.

    • Malk Suruhito

      Será que o Alvarez consegue? Ele tem a mesma altura do Poirer, só que tem mais frame (até a cabeça parece que é maior). Poirer já parece um milagre da nutrição que tenha conseguido bater 66.

      • Sexto Empírico

        Não sei se conseguem, mas seria um caminho interessante pra carreira deles e pro show.

  • Gabriel Fareli

    Eu não gostaria de colocar o Cain contra o Miocic só como “castigo” por ele viver mais tempo fora do que dentro do cage.
    Mas a logica deve ser ele mesmo, ainda mais partindo da ideia de que os outros dois próximos ao TS (Werdum e Overeem),acabaram de perder pro campeão.

  • Leandro Coco

    Não concordo com um cara vindo de 1-1 nos utimos quatro anos, sendo q essa única vitória foi em cima de Travis Brownie, disputar o cinturão. Independente de quem seja.
    Pra mim o Cain teria que voltar no bolo do top 10.

    • Então daria pro Derrick Lewis, que só venceu o mesmo Browne? Ou daria pro Overeem, que acabou de ser nocauteado pelo Miocic? Ou pro Werdum, que também foi nocauteado no ano passado sem sequer conseguir defender o cinturão e que venceu depois o mesmo Browne?

  • James sousa

    não daria a disputar de cinturão ao Cain Velasquez agora daria um castigo a ele , sendo a chance grande dele derruba outra disputar de cinturão

  • Luis Coppola

    Cain Vidrasquez vindo de operação nas costas, duas lutas nos últimos dois anos, uma vitória sobre o temido Browne pra pegar o campeão que tem nocauteado todos os adversários que o enfrentam?
    Com ctz a categoria tem melhores alternativas no momento, até o black beast se conseguir a sétima vitória seguida é mto mas merecedor que o mexicano. Fora que as chances dessa luta cair são altíssimas..

    • Não é “uma vitória sobre o temido Browne”, é um estupro que absolutamente ninguém além dele conseguiu fazer. Werdum teve duas chances, ganhou com certa folga, mas não chegou perto do estupro que o Velasquez deu no Browne.

      E, sim, ele é de vidro. Basta ver que todo mundo sai cortado do octógono quando luta com ele. Até o Werdum…

      Sobre o merecimento do Derrick Lewis pra disputar o cinturão, bota pra enfrentar antes o Werdum, o Overeem, o Velasquez, ou até mesmo o Cigano. Aí eu digo que ele terá merecimento. Hoje, por quem ele enfrentou (a melhor vitória dele foi sobre “o temido Browne”) e pela qualidade que ele mostra, Lewis tem merecimento zero. Zero.

  • Vinicius Maia

    Ta louco??? O cara me cancelou mais luta que qualquer lutador do UFC. Já fodeu inúmeros eventos. Não luta tem quase 1 ano e tu quer agraciar esse furão FDP com uma chance ao titulo?? Mil vezes Derrick Lewis (se ganhar do Hunt) que vem numa sequencia de 7 vitórias (se ganhar do Hunt) do que um cara que não sabe treinar sem se lecionar.
    Cain nunca mais deverá lutar pelo título se não tomar vergonha na cara e fizer no minimo 2 lutas sem desmarcar nenhuma.

    • Luis Coppola

      Exato, ganhar do Browne não credencia ninguém a nada. Fora que o cara está vindo de uma lesão séria, ele mesmo quando volta de lesões mto tempo parado sempre volta mal, pra pegar o Miocic que tem nocauteado todo mundo séria loucura agora.
      Aquele Cain de antigamente que foi campeão, que tratorizou o Cigano duas vezes nem sabemos se ainda é o mesmo. Uma luta contra o Ngannou seria boa para os dois no atual momento..

    • João Gabriel Gelli

      Eu quero ver os dois melhores da categoria se enfrentando agora, mas entendo perfeitamente quem discorda e sei que a decisão de colocar o Velasquez não é a mais popular.

      • Vinicius Maia

        Eu entendo seu posicionamento João mas seria uma falta de respeito com os demais lutadores. Cain iria ganhar o TS no grito após cancelar 2 lutas somente ano passado!!! Isto é inadmissível. Gosto do estilo de lutas do Cain mas é uma falta de respeito com os lutadores do peso pesados que estão ativos. Black Beast não é um atleta mas ignorar sua sequencia de vitórias no detrimento de casar Velasquez contra o Miocic é uma puta “falta de sacanagem” se me permitem o trocadilho.
        Até Ngannou merece mais que o Cain. A categoria já é rasa e tu dar uma rasteira em toda ela devido ao nome do Cain seria um desmotivador a mais para todos os lutadores.
        Não questiono a qualidade técnica do Velasquez, mas depois desses anos tenebrosos que ele vive não merece tão cedo ser main event quanto mais disputar um cinturão.

        • Derrick Lewis disputando cinturão é falta de respeito com a gente hahahaha

          • Vinicius Maia

            Concordo. Derrick Lewis nem atleta é. Mas mesmo assim não podemos ignorar sua sequencia de vitórias. Imagina se ele ganha do Hunt no R1. 7 Vitórias seguidas.

    • Nono Empírico

      Boa! É o mesmo caso do Jones, guardadas as devidas proporções… Imagina se o Bones, sei lá, assassina alguém e fica 30 anos na cadeia. Te digo que ainda assim vai ter gente dizendo que ele continua sendo o melhor da divisão que merece TS imediato. Melhor da divisão, de qualquer divisão, é quem está ativo e ganhando de todo mundo.
      Esqueçam o Velásquez! Nem data pra voltar o cara tem, carai! Vão ficar nessa viuvez até quando?

      Tem o Derrick, tem o N’gannou, tem o Werdum…. Talvez não sejam os adversários perfeitos, mas os caras estão aí lutando sem estragar eventos com lesões irresponsáveis.

      • Sexto Empírico

        Fala aí, primo. Tava sumido? O Bones tá vindo pra fazer aquela bolota do Comier chorar de novo.

      • Então, a divisão dos pesados é péssima tecnicamente. Tem o Velasquez, o Miocic, o Cigano, o Overeem, o Werdum e só. A quantidade de luta constrangedora já fez a reputação da categoria cair. Imagina se você bota um Derrick Lewis pra ser estuprado pelo Miocic?

        Como eu disse ali em cima, entendo perfeitamente a raiva em relação ao Velasquez e à irresponsabilidade da AKA. Eles cansaram de foder o UFC. Mas Miocic-Lewis é absolutamente ridículo em todos os aspectos. Não tem equilíbrio técnico, não tem chamariz comercial, não tem nada que preste numa luta dessa.

        Eu acho fundamental colocar o Lewis contra o Ngannou pra um deles sair do caminho. Simplesmente acho errado qualquer outra luta envolvendo um dos dois.

    • Sexto Empírico

      Grande Vinicius! Firmeza, mano? Também penso a mesma coisa. Apesar do Cain ser o melhor deles (ao nível do mar, rs…) o cara nunca luta. Prefiro o Lewi – ia ser engraçado – ou mesmo dar uma chance pra aquele negão brutal, o Ngannou.

      • Vinicius Maia

        Firmeza Sexto. Eu curto demais o Cain, já cheguei a considerar um dos melhores pesos pesados do UFC mas depois de cancelar tantas lutas, passei a odiar o FDP kkkkk. Porra, que que adianta ser uma máquina de moer carne se tu nunca ta saudável pra lutar?

        • Malk Suruhito

          Um dos melhores do UFC? Era um dos 5 da história do MMA fácil.

          • Vinicius Maia

            Concordo, me expressei errado. Era pra digitar MMA. Considero os feitos de Fedor, Minotauro, Werdum (primeiro a finalizar Minotauro, finalizou Fedor, Finalizou Cain) , Cain e o Cro Cop por que eu comecei a acompanhar lutas por ele! Vi a luta do K1 dele contra o Bob sapp e fiquei impressionado veio.

      • Engraçadamente constrangedor, que você quis dizer, né?

        • Sexto Empírico

          Exatamente!

    • Malk Suruhito

      “Vai ser muito difícil vencer o Miocic agora. Ele é o cara. Eu o vejo continuando a crescer e se tornando um dos maiores. É engraçado que depois da USADA ele só continuou a melhorar… ao contrário de muita gente da divisão”,
      Dos Santos, Cigano.
      Para bom entendedor…

      • Ao contrário dele próprio?

        • Malk Suruhito

          Vai que foi uma admissão de culpa…

    • Eu entendo a raiva com o Velasquez, mas Derrick Lewis contra o Stipe Miocic seria uma luta constrangedora.

      • Vinicius Maia

        kkkk. Não discordo de você. Mas não podemos deixar de levar em conta ele terá vencido 7 lutas seguidas.

        • Por quem ele venceu e pelo nível dele, pode vencer 14… hahaha

  • Caio Abreu

    respeito a opiniao de aposentadoria do cigano, mas acho que ele ainda pode se recuperar bem na categoria, fico triste por ver um lutador do nivel de cigano nessa situaçao, tomara que possa se recuperar e galgar mais devagar o topo.

    • Eu também torço pela recuperação dele, mas é muito alarmante ver como despencou a capacidade de absorção de golpes dele depois dos 10 rounds com o Velasquez. Ele é o único ser humano que fez 10 rounds numa luta profissional com o Velasquez.

  • Diego Florentino

    2 coisas a se fazer pra termos um super evento no final do ano:

    Casar Cain x Miocic e dar o vencedor pro Jon Jones, após este ter vencido o Gordier.

    Sem mais.

    • Seria do caralho, mas imagina a probabilidade de um Velasquez-Jones cair?

  • Beto Magnun

    Kinight vs Ortega… só de imaginar já choro lágrimas de napalm.

  • Fernando

    Cigano contra werdum

    • Sensacional também, essa luta tem que acontecer de novo, mas agora sou favorável a fazer o Cigano dar uma recuada maior.

  • Fernando

    Miocic contra derrik lewis