MMA Além do UFC apresenta Bellator em Newcastle e Combate Americas

Por Idonaldo Filho | 06/02/2019 17:31

Último período raso de fevereiro com pouca ação fora do líder do mercado, o MMA Além do UFC traz três eventos internacionais incluindo o primeiro card não numerado do Bellator, que irá acontecer na cidade de Newcastle, na Inglaterra, com um famoso brasileiro envolvido no confronto mais importante da noite. Também terão destaque no texto o Combate Americas 30, na cidade de Mexicali no México e o Italian Cage Fighting 7 em Galliate, Itália.


Sexta-feira, 08/02 – Combate 30: Mexicali

A organização que mais investe no MMA mexicano atualmente e com projetos de alçar voos mais altos para o restante da América Latina, o Combate Americas fará a sua edição de número 30 na cidade de Mexicali, e em sua luta principal terá Rafa Garcia, um prospecto mexicano que está invicto em oito combates, e que irá enfrentar Edgar Escarrega, que vem em ótima fase com quatro vitórias consecutivas.

No segundo duelo mais importante da noite, o peso mosca Edgar Cháirez irá duelar contra Alejandro Salazar, que ainda não venceu profissionalmente e conta com duas derrotas. Outro confronto que merece destaque é Alex Velazco contraMisael Iñarritu, que lutarão no peso leve para encerrar a má fase, tendo em vista que ambos vem de derrota. Iñarritu foi derrotado apenas duas vezes e por atletas como o atual membro do plantel do UFC, Kyle Stewart e também Harvey Park, atualmente no LFA. A transmissão acontecerá no DAZN.


Sábado, 09/02 – Italian Cage Fighting 7

Trabalhando no cenário regional da Itália sempre com o melhor do talento local, o IFC 7, que irá acontecer na cidade de Galliate, terá como duelo principal uma defesa de cinturão na categoria dos penas. Aos 27 anos, o campeão Walter Cogliandro será desafiado pelo francês Alioune Nahaye – que vale detalhar atuava na divisão dos leves. Cogliandro nunca foi derrotado e seu cartel limpo de 8-0 (embora contra oposição ruim) pode vir a chamar a atenção de empresas maiores.

O restante do card é formado em sua grande parte por iniciantes, como na luta entre Luca PanzettaTanio Pagliariccio nos galos, disputada por atletas com menos de cinco lutas profissionais. Também no mesmo evento, porém nos leves, se enfrentarão Seck Ndiobo e Matteo Caretti.


Sábado, 09/02 – Bellator Newcastle

Retornando a cidade onde realizou o Bellator 191, com a estreia do atualmente aposentado Michael McDonald, o Bellator Newcastle será o primeiro de seus eventos que não é numerado – a organização decidiu abolir a numeração destes eventos menores na Europa. Planejando dez eventos no velho continente neste ano, o Bellator também vai proporcionar a estreia de alguns lutadores que foram contratados justamente para divulgar a marca do evento na europa.

E o duelo principal promete violência, já que Patricky Pitbull estará dentro do cage. O oponente do mais velho dos irmãos Pitbull será o britânico Ryan Scope, ex-campeão dos leves no BAMMA e com passagem no ACB. Abaixo do main event, teremos uma luta que está nessa posição mais pelo apelo midiático do que esportivo, pois Aaron Chalmers (figurinha carimbada em programas da MTV na Inglaterra) irá defender sua invencibilidade contra o algoz de Baby Slice, o americano Corey Browning.

O último ex-campeão do BAMMA também foi contratado e lutará em Newcastle. Terry Brazier vem de boas vitórias no evento inglês e estreará no Bellator contra o escocês Chris Bungard, que rodou por eventos menores em seu país natal. Outro prospecto que participará do card é Fabian Edwards – irmão do atleta do UFC Leon Edwards– que vai enfrentar o veterano Lee Chadwick, que era campeão do Cage Warriors.

Por fim, vale destacar a presença de três ex-lutadores do UFC. Mais lembrado pelo físico desleixado, James Mulheron foi demitido após uma performance tosca e depois de ter caído em um exame antidoping. Agora, ele desce de categoria para duelar com Arunas Andriuskevicus, da Lituânia. Nos meios-médios temos uma luta de lutadores que pouco acrescentaram no maior evento do mundo, entre Jim Wallhead e Abner Lloveras, que somam três lutas e três derrotas no UFC.