Minuto do Boxe: Especial Mike Tyson 30 anos do título mundial e mais Sergey Kovalev vs. Andre Ward

Minuto do Boxe volta para homenagear os 30 anos da conquista do primeiro título mundial de Mike Tyson e a excelente disputa dos cinturões dos meios-pesados entre Sergey Kovalev e Andre Ward.

Na semana passada, o UFC 205 rendeu dois podcasts. Nesta semana, o It’s Time! já abriu os serviços para falar do super sábado. Agora é a vez do Minuto do Boxe retornar com dois assuntos especiais.

Nesta terça-feira, 22 de novembro, a nobre arte comemorou 30 anos da primeira conquista mundial de Mike Tyson, uma das maiores personalidades da sociedade humana no século XX. Em 22 de novembro de 1986, Iron Mike destruiu Trevor Berbick e deu início a um reinado de terror que angariou fãs nos quatro cantos do planeta.

Para celebrar a data, eu e Pedro Carneiro lembramos da relação de Tyson com o treinador e empresário Cus D’Amato, inclusive tentando imaginar o que teria acontecido na carreira do lutador se Cus tivesse vivido mais uns 10 anos. Falamos também do nível da concorrência enfrentada, do que fez Tyson um mito, de suas qualidades e defeitos como lutador, das derrotas para James “Buster” Douglas e Evander Holyfield e muito mais.

No entanto, este não foi o primeiro assunto abordado. Esta edição do Minuto do Boxe começou avaliando a espetacular vitória de Andre Ward sobre Sergey Kovalev, que rendeu ao americano os cinturões do peso meio-pesado da WBA, WBO e IBF, que estavam de posse do russo. Fizemos uma análise técnica e estratégica do duelo, além de analisar as pontuações e debater sobre os próximos passos, que pode incluir Adonis Stevenson, o dono do outro cinturão da categoria, mas que andou fazendo papelão por aí.

Agora é com vocês, espero que gostem de ouvir tanto quanto eu e Pedro gostamos de gravar. E lembrem-se que este Minuto do Boxe está disponível no nosso formato antigo do podcast. Confira abaixo do player outros modos de receber este conteúdo.

apoia-se-logo-180-100

Quer se tornar um COLABORADOR do MMA Brasil e concorrer a prêmios, participar do podcast e ajudar a fazer um site cada vez melhor? Conheça todos os BENEFÍCIOS do nosso projeto no APOIA.SE!

Endereço para assinar o podcast pelo iTunes: https://itunes.apple.com/br/podcast/its-time!-o-podcast-do-mma/id939262973

Endereço para quem preferir assinar o feed RSS do podcast por outras vias: http://www.mmabrasil.com.br/feed/podcast

  • Henrique Munhoz Moya Gimenes

    Vida longa ao minuto do boxe! Muito bom ouvir a opinião de vocês. Ao assistir à luta ao vivo, achei vitória do Kovalev, mas nem de perto o 116-112 do Lederman. Revendo os rounds mencionados e os pontos levantados por vocês, consigo entender a vitória do Ward.

    • Pedro Carneiro

      Sim, ver vitória do Kovalev é totalmente aceitável, mas 116-112 é forçar muito a barra.

  • Leandro Coco

    Bom Dia,

    Muito boa esta edição do Podcast.
    O Tyson é daquelas pessoas que não passam desapercebidas, ninguém consegue ser indifirente a ele. O cara faz parte da cultura Pop, tinha mulque q cortava o cabelo com aquele risquinho de navalha … e como o Alexandre falou, é uma das maiores personalidades da história.
    Todo mundo que viveu naquela época tem alguma história engraçada relativa ao Tyson … ficar acordado de madrugada pra ver um minuto de luta … Meu avô que não conseguia pronunciar Tyson, falava “Maqui Taca”, sempre falava : ” Esse bicho é Ruim, heim ?”
    Concordo com o q foi falado em relação ao Cus D’amato, se ele tivesse vivido mais, acho q pelo menos o Tyson teria uma vida mais regrada fora dos ringues, o q claramente refletiria na performance dentro dele.
    Acredito que dentro desse contexto, ele teria muito mais chances contra o Holyfield se a luta realmente ocorresse em 1990.

    É isso aí … Vida Longa ao Minuto do Boxe.

    Braço.

    • Pedro Carneiro

      Tyson é uma figura magnética. Onde aparece, é o centro das atenções. Com o D’Amato vivo, provavelmente teríamos o auge técnico dele um pouco mais alongado. Tyson, mesmo no auge, seria azarão contra o Holyfield, mas seria uma luta mais equilibrada.

    • Também acredito que as chances do Tyson seriam maiores se a luta tivesse acontecido em 1990 e com o D’Amato ao lado dele.

  • James sousa

    em relação a uma revanche entre Kovalev vs Ward quem teria vantagem na questão de se adaptar ao jogo do rival ?

    • Pedro Carneiro

      Provavelmente o Andre Ward. Isto, porque ele tem uma capacidade de adaptação e tática maior e por ter uma caixa de ferramentas mais funda que a do Kovalev.

    • Se o Ward se adaptou com o avião no ar, imagina com ele parado no chão.

  • Isabella Kida

    Adoro o minuto do Boxe, para leigos como eu muito bom pra aprender um pouco.

    • Pedro Carneiro

      A ideia é essa, Kida, levar o boxe pra todos, inclusive pra quem tá começando agora. Ficamos muito felizes com esse tipo de feedback!

    • Que bom que você curte!

  • Saulo Henrique

    Poxa..Nesse formato não consigo baixar. .

  • Fernando Reporta

    Rapaz, considero o podcast do MMA Brasil um dos melhores do Brasil atualidade e o melhor na área de esporte. E olhe que eu acompanho (religiosamente) seis podcast’s semanais e pelo menos uns outros seis durante o mês, dos mais variados temas (atualidade, história, cultura pop /nerdice, esporte, etc.). Mas esta edição do minuto do boxe, sem exagero nenhum, foi a melhor do site este ano e umas das melhores que escutei em 2016. Foi uma aula de história do boxe sem tom professoral. O bate-papo flui tão bem que a hora passou rápido. Bem que vocês poderiam ter um projeto de contar a história das grandes lendas do boxe num podcast. Esta está incrível. Parabéns ao Pedro Carneiro e ao Alexandre Matos. Sabem muito!

    • Pedro Carneiro

      Obrigado peles elogios, Fernando. A nossa ideia é seguir melhorando. Eu também gosto muito dessa ideia de fazer programas específicos sobre as lendas, se o patrão aprovar a gente faz!

    • Que bom que você gostou, Fernando. Eu gostei muito de gravar.

      Vamos adotar a sua proposta.

    • Que bom que você gostou, Fernando. Eu gostei muito de gravar.

      Vamos adotar a sua proposta.

  • Luca

    Não consigo ver vitoria do Ward nessa luta, depois reverei, mas apesar da luta ser parelha, acho forçado dar vitoria ao Ward.

    • Pedro Carneiro

      Porque forçado, fera? Quais rounds vc deu pra Kovalev?

    • Vai por mim que não é. Totalmente plausível ver vitória de qualquer um dos dois. Reveja lá e volta aqui pra comentar.