Por Alexandre Matos | 24/03/2015 02:38

A luta universitária americana viveu um fim de semana histórico. De quinta-feira a sábado, a Divisão I da NCAA conheceu seus novos campeões e all-americans no wrestling, dois deles conquistando feitos notáveis.

As competições de wrestling na Divisão I começaram em 1929. Demorou 65 anos para Pat Smith ser o primeiro atleta a vencer o campeonato nos quatro anos elegíveis, em 1994. Oito anos depois, Cael Sanderson foi o segundo – de quebra, entrou para a história como o único tetra invicto. Em 2013 foi a vez de Kyle Dake, que conquistou o feito em quatro categorias diferentes. No sábado, Logan Stieber entrou para o seleto clube.

O fenômeno da Ohio State University encerrou sua carreira universitária com cartel de 29-0 em 2014-2015 e incríveis 119-3 nas quatro temporadas. Stieber conquistou o título da categoria até 141 libras ao bater o cabeça de chave número 2 Mitchell Port, da Edinboro University, por 11-5. O baixinho foi aplaudido de pé no Scottrade Center, em St. Louis, Missouri, por um público que estabeleceu o recorde da história da NCAA (113.013 torcedores nas seis sessões de competição). Port, que também disputou sua última temporada, ficou com o Outstandig Wrestler Award, prêmio para o atleta mais marcante da temporada.

O público lotou as dependências do Scottrade Center para as finais do wrestling da Divisão I da NCAA (Foto: Facebook NCAA Wrestling)

O público lotou as dependências do Scottrade Center para as finais do wrestling da Divisão I da NCAA (Foto: Facebook NCAA Wrestling)

Outro favorito ao título que fez história foi Isaiah Martinez. Em seu primeiro ano no circuito universitário, defendendo os Fighting Illini da University of Illinois, IMar fechou sua senda de destruição com uma major decision (quando um lutador tem oito ou mais pontos de vantagem ao final do combate) sobre Brian Realbuto, cabeça de chave número 2 da Cornell University, na final. O duelo começou equilibrado, mas logo Martinez disparou até vencer por 10-2.

Sem perder nenhuma das 35 lutas que disputou na temporada, Martinez tornou-se o primeiro calouro campeão invicto desde Cael Sanderson, em 1999 (só os dois conseguiram tal feito). De quebra, 24 de suas vitórias na temporada valeram pontos extras (por encostamento, ou por major decision ou superioridade técnica, quando um lutador abre 15 pontos, terminando o combate). IMar estabeleceu o recorde de vitórias por superioridade técnica (11) no ano em toda a Divisão I.

A categoria até 197 libras também chamou atenção. O favorito J’den Cox, representante dos Tigers da da University of Missouri, foi eliminado pelo jovem calouro Kyle Snyder, de Ohio State. Quando Snyder parecia partir para o título, levou uma queda sensacional de Kyven Gadson, de Iowa State, e foi encostado na marca de 4:24 de luta. Gadson é pupilo do campeão olímpico e ex-desafiante do UFC Kevin Jackson.

Veja no vídeo abaixo a final entre Gadson e Snyder, a queda que garantiu o título e uma parte do belo show promovido pela NCAA.

Stieber e Nathan Tomasello confirmam o primeiro título dos Buckeyes

O tetracampeonato não foi o único feito de Stieber. Ele liderou sua equipe, os Buckeyes de Ohio State, ao título inédito na competição por equipes, desbancando o reinado dos Nittany Lions de Penn State, que venceram os últimos quatro torneios.

Em 2015, Ohio State terminou com 102 pontos, mas já havia garantido o título antes da sessão final, a que definiu os campeões. Nas disputas das medalhas, Stieber e o calouro Nathan Tomasello, na categoria até 1125 libras, venceram suas chaves, aumentando a vantagem da universidade. Os melhores resultados dos Buckeyes antes da conquista de 2015 foram os vices seguidos para a University of Iowa, em 2008 e 2009.

Tom Ryan, técnico dos Buckeyes:

“Logan (Stieber) tem sido o pilar de nosso programa (de wrestling na OSU), que garantiu o crescimento do programa. As pessoas querem estar perto dele, então vamos sentir sua falta. Perguntei a ele se queria ficar conosco por mais alguns anos. Estar numa posição de ganhar dois ou três títulos nacionais é coisa para atletas-estudantes especiais, disciplinados. Obviamente, vencer quatro é extraordinário. Logan é extraordinário, ele tem sido assim desde que pisou em nosso campus.”

Curiosamente, os vice-campeões deste ano foram exatamente os Hawkeyes de Iowa, com 84 pontos, seguidos pelos Fighting Scots de Edinboro, com 75,5. Os Tigers de Missouri, donos da casa, ficaram em quarto com 73,5; os Big Reds de Cornell conquistaram 71,5 pontos, enquanto os Nittany Lions terminaram em sexto, com 67,5.

Veja a lista dos campeões e dos All-Americans da Divisão I da NCAA em 2015

Troféu da Divisão I da NCAA no wrestling

Nas competições da NCAA, mais sete atletas, do segundo ao oitavo lugar, recebem o status de All-American, além do campeão. Apesar de ter ficado em segundo lugar na competição por equipes, Iowa fez seis All-Americans, seguida de Ohio State, Penn State, Michigan, Missouri e Minnesota, com cinco cada uma. No total, 32 escolas fizeram pelo menos um All-American.

Confira abaixo os resultados da sessão de medalhas, que contou com a disputa do ouro, do bronze, do quinto lugar e do sétimo, completando a lista de campeões e All-Americans.

125 libras:

Medalha de ouro: Nathan Tomasello (Ohio State) venceu Zeke Moisey (West Virginia) por 9-5
Medalha de bronze: Alan Waters (Missouri) venceu Thomas Gilman (Iowa) por 7-4
5º lugar: Nahshon Garrett (Cornell) venceu Connor Youtsey (Michigan) por 9-3
7º lugar: Eddie Klimara (Oklahoma State) venceu Jordan Conaway (Penn State) por 5-4

133 libras:

Medalha de ouro: Cody Brewer (Oklahoma) venceu Cory Clark (Iowa) por 11-8
Medalha de bronze: A.J. Schopp (Edinboro) venceu Chris Dardanes (Minnesota) por 4-3
5º lugar: Jimmy Gulibon (Penn State) venceu Mason Beckman (Lehigh) por 9-5
7º lugar: Ryan Taylor (Wisconsin) venceu Rossi Bruno (Michigan) por 7-3

141 libras:

Medalha de ouro: Logan Stieber (Ohio State) venceu Mitchell Port (Edinboro) por 11-5
Medalha de bronze: Devin Carter (Virginia Tech) venceu Dean Heil (Oklahoma State) por 17-8
5º lugar: Kevin Jack (North Carolina State) venceu Chris Mecate (Old Dominion) por 3-0
7º lugar: Lavion Mayes (Missouri) venceu Anthony Ashnault (Rutgers) por decisão médica

149 libras:

Medalha de ouro: Drake Houdashelt (Missouri) venceu David Habat (Edinboro) por 3-1 na morte súbita
Medalha de bronze: Jason Tsirtsis (Northwestern) venceu Brandon Sorensen (Iowa) por 3-1 na morte súbita
5º lugar: B.J. Clagon (Rider) venceu Chris Villalonga (Cornell) por 6-3
7º lugar: Alexander Richardson (Old Dominion) venceu Daniel Neff (Lock Haven) por encostamento a 2:38

157 libras:

Medalha de ouro: Isaiah Martinez (Illinois) venceu Brian Realbuto (Cornell) por 10-2
Medalha de bronze: James Green (Nebraska) venceu Nick Brascetta (Virginia Tech) por 3-2
5º lugar: Ian Miller (Kent State) venceu Dylan Ness (Minnesota) por decisão médica
7º lugar: Brian Murphy (Michigan) venceu Mitchell Minotti (Lehigh) por decisão médica

165 libras:

Medalha de ouro: Alex Dieringer (Oklahoma State) venceu Taylor Walsh (Indiana) por 14-7
Medalha de bronze: Bo Jordan (Ohio State) venceu Jackson Morse (Illinois) por encostamento a 1:00
5º lugar: Nick Sulzer (Virginia) venceu Ethan Ramos (North Carolina) por 12-4
7º lugar: Isaac Jordan (Wisconsin) venceu Jim Wilson (Stanford) por 3-2

174 libras:

Medalha de ouro: Matt Brown (Penn State) venceu Tyler Wilps (Pittsburgh) por 5-4
Medalha de bronze: Robert Kokesh (Nebraska) venceu Logan Storley (Minnesota) por 6-4 na morte súbita
5º lugar: Kyle Crutchmer (Oklahoma State) venceu Mike Evans (Iowa) por 2-1 no Tiebreaker 1
7º lugar: Zach Epperly (Virginia Tech) venceu Kurtis Julson (North Dakota State) por 3-2

184 libras:

Medalha de ouro: Gabe Dean (Cornell) venceu Nate Brown (Lehigh) por 6-2
Medalha de bronze: Victor Avery (Edinboro) venceu Blake Stauffer (Arizona State) por 3-2
5º lugar: Kenny Courts (Ohio State) venceu Hayden Zillmer (North Dakota State) por 4-3
7º lugar: Willie Miklus (Missouri) venceu Tim Dudley (Nebraska) por 6-5

197 libras:

Medalha de ouro: Kyven Gadson (Iowa State) venceu Kyle Snyder (Ohio State) por encostamento a 4:24
Medalha de bronze: Morgan McIntosh (Penn State) venceu Scott Schiller (Minnesota) por 12-7
5º lugar: J’den Cox (Missouri) venceu Conner Hartmann (Duke) por 4-2 no Tiebreaker 1
7º lugar: Nathan Burak (Iowa) venceu Max Huntley (Michigan) por 6-4

285 libras:

Medalha de ouro: Nick Gwiazdowski (North Carolina State) venceu Adam Coon (Michigan) por 7-6
Medalha de bronze: Mike McMullan (Northwestern) venceu Connor Medbery (Wisconsin) por 3-2
5º lugar: Bobby Telford (Iowa) venceu Jimmy Lawson (Penn State) por 6-0
7º lugar: Ty Walz (Virginia Tech) venceu Michael Kroells (Minnesota) por 6-2