Khabib Nurmagomedov oblitera Al Iaquinta e conquista cinturão no UFC 223

Quem compareceu ao Barclays Center para assistir ao UFC 223 testemunhou uma dos desempenhos mais dominantes da história do UFC na luta principal do evento. Sem dar completamente nenhuma chance para Al Iaquinta, que entrou na luta somente ontem depois de todas as confusões que aconteceram na semana, Khabib Nurmagomedov fez o que quis durante cinco rounds e finalmente conquistou o cinturão peso leve, passando a ser o campeão oficial da categoria.

A luta começou com Iaquinta tentando caçar Nurmagomedov, fintando e buscando atingir o russo. Khabib deu um bote na perna de Al e conseguiu a queda. Iaquinta tentou fugir o quadril, o russo pegou as costas, mas deu espaço para o americano ficar de pé com as costas na grade. Khabib controlava o combate completamente, sem dar qualquer espaço pra Iaquinta.

No segundo round, Iaquinta chegou a defender a primeira tentativa de queda de Khabib, mas o russo conseguiu colocar o americano no chão logo em seguida. Nurmagomedov pegou as costas de Iaquinta, tentou encaixar o mata-leão, mas não conseguiu. Pelo restante do assalto, “The Eagle” permaneceu por cima de Al em posição de amplo domínio.

Já no terceiro assalto, Khabib diminuiu o ritmo, passou a mostrar suas habilidades na trocação, entrando com bons jabs e até com chutes no russo. Iaquinta pouco conseguiu fazer, levou diversos jabs e perdeu mais um round.

No quarto assalto, Khabib iniciou as ações acertando um bom uppercut e um chute. Iaquinta resistiu, tentou fazer avanços que foram muito bem controlados por Nurmagomedov. O russo continuava controlando a luta com jabs e sequer sendo atingido por qualquer iniciativa de Al.

Al Iaquinta finalmente atingiu Nurmagomedov no quinto round. Khabib controlava a distância. Mais desesperado, Al deu brechas para Khabib crescer no combate de vez, abalar o americano em pé e conseguir mais uma queda, Khabib tentou finalizar o combate novamente, mas Iaquinta sobreviveu bravamente e conseguiu levar a luta para a decisão dos juízes.

Depois do desempenho dominante, os juízes marcaram largos placares de 50-44, 50-43 e 50-43, dando a vitória e o cinturão peso leve para Khabib Nurmagomedov.