Khabib Nurmagomedov finaliza Conor McGregor e mantém cinturão dos leves em final bizarro no UFC 229

Por Matheus Costa | 07/10/2018 02:28

O russo Khabib Nurmagomedov provou que é o melhor peso leve do mundo na atualidade no MMA. O campeão da categoria dominou e finalizou Conor McGregor na luta principal do UFC 229, mantendo o cinturão e sua invenciblidade de 27 vitórias no MMA.

A luta começou com McGregor encurtando a distância de forma imediata, mas Khabib buscou a queda como esperado. Conor fez o sprawl e defendeu momentaneamente, mas Khabib prosseguiu pressionando e aplicou a queda, caindo na guarda do irlandês. Nurmagomedov grampeou as pernas do ex-campeão e aplicou socos com Conor sentado de costas na grade. Khabib seguiu pressionando, buscando maior estabilidade na posição por cima, enquanto Conor colocou os ganchos para impedir o avanço do russo. Sem sucesso, pois Khabib passou para a meia-guarda logo em seguida, trabalhando golpes por cima e amassando o irlandês até o fim do round.

O segundo assalto começou em ritmo insano. Conor tentou aplicar uma joelhada de encontro, mas Khabib acertou um cruzado violento na ponta do queixo do irlandês, que sentiu e caiu momentaneamente. Os dois trocaram golpes na curta distância, mas Nurmagomedov aplicou uma bela queda e rapidamente montou no irlandês. O russo começou a impor sua pressão e aplicou o ground and pound, acertando McGregor em inúmeras oportunidades. Khabib raspou para a posição de cem-quilos, mirando o braço do irlandês em busca da americana, mas Conor conseguiu defender a tentativa de finalização. Ele se levantou, levando o público ao delírio, mas Khabib o pressionou na grade em busca de mais uma queda até o round chegar ao fim.

McGregor começou o terceiro round tentando crescer com combinações de jab e direto, enquanto Khabib se movimentava ao redor do octógono tentando manter a distância. Nurmagomedov jogou um chute na perna e tentou a queda, mas McGregor defendeu. O campeão seguiu pressionando e, após aplicar uma combinação, tentou outra queda, mas acabou desistindo da pegada na grade. Os dois entram na curta distância no centro do octógono e começaram a trocar golpes, com Khabib acertando alguns potentes e McGregor melhor no volume. Nurmagomedov foi novamente para a queda, mas Conor bateu no chão e voltou com auxílio da grade. O russo não desistiu da posição e pressionou na grade, enquanto McGregor aplicava joelhadas na linha de cintura até o término do assalto.

O ex-campeão retornou aplicando chutes retos e tentando medir a distância. Khabib trabalhou jabs e derrubando o irlandês com uma rasteira. O russo partiu rapidamente para a montada e tentou a finalização no braço, mas McGregor fez um bom trabalho de repor a guarda. Porém, o campeão pegou as costas do desafiante, aplicou o estrangulamento mão-com-mão e conseguiu a finalização.

Após a luta, confusão generalizada. Khabib provocou os treinadores do irlandês, pulou para fora do octógono e começou a brigar com Dillon Danis, que ajusta o jiu-jítsu de McGregor. Enquanto isso, Conor foi agredido por dois treinadores do russo dentro do octógono.

De acordo com a decisão oficial dos juízes, Khabib Nurmagomedov derrotou Conor McGregor por finalização (mata-leão) aos 3:03 do quarto round.

Editor do MMA Brasil. Fundador e editor-chefe do extinto Olimpo MMA. 20 anos, carioca, fanático por esportes.