Israel Adesanya bate Marvin Vettori em atuação sólida no UFC On FOX 29

Por Gustavo Lima | 14/04/2018

Na segunda luta do card do UFC On FOX 29, o peso médio Israel Adesanya saiu vitorioso sobre o italiano Marvin Vettori num duelo muito equilibrado mas pouco empolgante.

Vettori começou não tomando conhecimento do background de Adesanya e se mostrou disposto a trocar, porém, a combinação de tamanho e velocidade do nigeriano dificultava o progresso de Marvin. Não tardou para que o italiano colasse em Adesanya e o clinchasse, buscando quedas que foram defendidas com louvor pelo oponente. Na segunda metade do round, Israel começou a crescer no duelo e encaixar bons contragolpes e jabs rápidos. Por volta de três minutos e meio, Adesanya acertou um dedo no olho de Vettori causando a paralisação da luta. No retorno, vimos um duelo muito equilibrado, sem nenhuma vantagem muito notável pra nenhum dos lados.

No início do segundo assalto, bastou pouco tempo para que Vettori tentasse uma queda, novamente defendida. A luta seguiu muito estudada, mas sem nenhuma golpe de impacto por nenhuma das partes. Da metade do round em diante, Adesanya começou a aumentar o volume de golpes lançados e consequentemente conectados. Vettori começa a demonstrar cansaço conforme Israel se solta cada vez mais na luta. O nigeriano começa a deixar as fintas e soltar efetivamente golpes mais ousados, se aproveitando da dificuldade do adversário em adentrar sua distância.

O terceiro round começou com Vettori gastando sua reserva de gás caçando Israel pelo cage e conseguindo uma queda muito oportuna, com Adesanya chegando perto do sprawl mas cedendo. Marvin mostrava dificuldade em progredir na guarda. Adesanya conseguiu se levantar, foi derrubado novamente e tentou uma pegar a perna, mas sem sucesso. Novamente na luta em pé, Vettori conseguiu mais uma queda. Após algum tempo sem progresso no chão, o árbitro central separou ambos. O último minuto do duelo transcorreu com ambos trocando golpes, mas novamente sem nenhuma efetividade maior de nenhum dos lados.

Ao final dos três rounds, os juízes decretara vitória por decisão dividida (29-28, 28-29, 29-28) para a conta de Israel Adesanya.