Henry Cejudo faz história, vence Demetrious Johnson em duelo apertado e conquista cinturão no UFC 227

Por Matheus Costa | 05/08/2018 01:40

O duelo coprincipal do UFC 227 trouxe um momento marcante na história do MMA. Nele, Henry Cejudo destronou Demetrious Johnson e se tornou o novo campeão dos moscas ao vencer em uma parelha decisão dividida.

Henry Cejudo começou o combate usando uma base de caratê, enquanto Demetrious Johnson começa se movimentando bastante, como sempre. Ainda no início, Cejudo dobrou o tornozelo, tentou colocar peso na perna, mas acabou cambaleando, trocando para a base de canhoto. Demetrious percebeu e passou a golpear no local, entrando e saindo ao combinar com jabs e chutes na perna. Johnson se movimentava com muita fluidez e golpeia com inteligência, enquanto Cejudo ficava atento para trabalhar com os contragolpes. Demetrious aplicou um chute alto, mas Cejudo segurou sua perna e tentou aplicar uma queda. O campeão conseguiu se levantar, mas levou um bom cruzado de esquerda. O primeiro round chega ao fim com os dois trocando chutes.

Durante o intervalo, o treinador de Cejudo pediu para ele usar seu wrestling e começar a defender os chutes baixos. Ele logo tentou um chute alto, que foi agarrado pelo campeão, que buscou a queda, sem sucesso. Demetrious passou a usar mais chutes na perna de Cejudo, que começou a pegar o tempo das investidas do campeão e aos poucos acertou mais golpes. Henry então encurtou a distância e conseguiu derrubar o campeão e cair em sua meia-guarda, onde estabilizou a posição e ficou até o fim da parcial.

A terceira parcial se iniciou com Demetrious aplicando um bom golpe. Ele partiu para cima, acertou mais dois golpes e tentou a queda, mas perdeu na força física, caindo de joelhos. Os dois logo ficaram de pé no clinch. Cejudo começa a acertar mais golpes, enquanto Demetrious aplica mais chutes na perna do desafiante. Henry tentou mais uma queda e chegou nas costas, mas acabou raspado com uma rapidez absurda e os dois mais uma vez ficaram na distância. Johnson começou a encurtar com menos frequência e chutar com maior frequência para manter a distância. Ele conectou uma joelhada forte na linha de cintura e o desafiante tentou derrubá-lo. Johnson se desvencilhou com inteligência e assim o round chegou ao fim.

Demetrious voltou com o mesmo ritmo para a quarta etapa, com a estratégia de usar muitos chutes na perna esquerda de Cejudo. O desafiante chegou a derrubar Johnson, que caiu mas se levantou rapidamente. Demetrious começa a usar mais seus jabs com bastante movimentação, até que acerta um belo chute na linha de cintura. Cejudo tenta a queda e é bloqueado, mas acaba ajustando o ângulo no meio da tentativa, conseguindo a posição perfeita e aplicando a queda com maestria, caindo na meia-guarda do campeão. Cejudo começa a golpear por cima enquanto tenta raspar para a posição de 100kg, mas acaba sendo bloqueado por Johnson, que o puxa para sua guarda. Cejudo controla a posição e pressiona bastante por cima, golpeando por cima até o soar da buzina.

O quinto e último round começa com muita tensão no ar, já que Demetrious nunca encontrou tanta dificuldade com um desafiante antes. O campeão começa agressivo e acerta um bom chute na costela de Cejudo. Os dois fintam bastante e se estudam, até que Johnson aplica outro bom chute na linha de cintura. O campeão continua aplicando chutes na perna machucada de Cejudo. O desafiante parte para cima e tenta a queda, pegando as costas de Demetrious em pé. Ele aplica joelhadas por trás e trabalha a posição para buscar levar o combate para o chão. Ele tenta um german suplex, mas Johnson consegue defender. O campeão busca o clinch, mas Cejudo aplica uma nova queda, embora Demetrious se levante rapidamente. O desafiante acerta uma boa combinação que balança Demetrious, que defende na mesma moeda. Cejudo tenta partir para cima no fim do round, mas Johnson se defende e a luta chega ao fim.

Segundo a decisão oficial dos juízes, Henry Cejudo derrotou Demetrious Johnson por decisão dividida (48-47, 47-48, 48-47).