Por Alexandre Matos | 01/05/2013 17:00

Depois do ocupado mês de abril, que hospedou um card do UFC em todos os sábados, a maior organização do MMA mundial dá um tempo e volta apenas no dia 18 de maio, com o UFC No Combate 2, liderado pelo confronto de pesos médios entre Vitor Belfort e Luke Rockhold. Mas isto não significa que não haverá diversão para os fãs de luta neste final de semana.

Com competições de alto nível no kickboxing, boxe e MMA, a maioria com transmissão ao vivo em canais brasileiros, o fim de semana do mundo das lutas será movimentado e o MMA Brasil vai estar de olho em tudo.

Maior evento de kickboxing do mundo chega ao Japão com o GLORY 8

Pôster do GLORY 8Com a morte e o renascimento do K-1, envolvido com problemas financeiros, o GLORY, sediado em Cingapura, tomou o espaço e se tornou a principal organização mundial dos eventos que promovem confrontos de junção de artes marciais de trocação.

Na madrugada de sexta-feira acontece o GLORY 8, também chamado de GLORY Tokyo. Estrelas da história do kickboxing como o “Bulldog da Normandia” Jérôme Le Banner, o “Lenhador Holandês” Peter Aerts e o “Furacão” Albert Kraus estarão em ação num card que contemplará um torneio na categoria até 65 quilos e algumas lutas casadas. Confira o que nosso correspondente na Terra do Sol Nascente Bruno Massami falou sobre o GLORY 8, que pode ter transmissão do canal Esporte Interativo.

SMASH Fight estreia com card sensacional e visão profissional

Goiti Yamauchi é a principal atração do SMASH FightEsqueça aquela lamentável mania brasileira de pagar milhares de reais para ring girls famosas e bolsas de fome para os lutadores. Não é esta a visão do SMASH Fight, evento que estreia em Curitiba apostando em um card recheado de ótimos nomes e dois GPs.

O principal nome do elenco de lutadores escalados para a primeira edição é o peso pena Goiti Yamauchi, um dos lutadores explorados pela coluna Radar MMA Brasil. O atleta recebeu permissão do Bellator para disputar um GP com a temática Rio de Janeiro vs Paraná. A semifinal, que ocorre neste primeiro SMASH, terá Goiti contra o explosivo Diego Marlon, para definir o representante paranaense na final, e Mauricio Facção (campeão do WOCS) contra Sergio Bomba, definindo o carioca na decisão.

A categoria dos meios-médios também terá um torneio iniciado neste card. Em confrontos que serão escolhidos através de sorteio, Zezão Trator (lutador do Bellator e campeão do Max Fight), Gilmar Manaus, Wendell Negão e Elizeu Capoeira lutam pelas vagas na grande final.

Além dos torneios, algumas boas lutas casadas fecham o card do evento. O meio-médio do Bellator Luis Sapo, que se envolveu em uma polêmica de contrato e ficou de fora do TUF Brasil 2, encara o uruguaio Sebastian “The One” Latorre. Agora lutando como peso galo, o argentino Nazareno Malegarie, que treina com Santiago Ponzinibbio na Ataque Duplo de Thiago Tavares, encara Junior Maranhão. Pela categoria dos meios-pesados, Joaquim Mamute, único brasileiro que derrotou Junior Cigano, encara Jair Sorriso.

O MMA Brasil publicará uma prévia do SMASH Fight, que será transmitido na noite de sexta-feira pelo canal Combate.

Jungle Fight volta a Belém para definir o campeão dos meios-médios

Uma semana após coroar o primeiro campeão dos penas da organização, o principal evento nacional novamente apresenta uma disputa de cinturão, conhecido como Jungle Belt. No sábado, o Jungle Fight 52 define quem ficará com o cinturão dos meios-médios, vago desde a ida de Erick Silva para o UFC.

Elias Silvério e Junior Orgulho farão a luta principal pelo título no evento que acontecerá em Belém. Silvério enfrentaria Michel Trator, mas o paraense foi convocado pelo UFC para substituir Lance Benoist contra Paulo Thiago no TUF Brasil 2 Finale.

Outros combates interessantes acontecerão no norte do país. O invicto peso pena Douglas D’Silva estreia no Jungle contra o pupilo dos irmãos Marajó Toninho Marajó. Já o leve Guilherme Kioto, mais um dos bons nomes do time de Patricky e Patricio Pitbull em Natal, pega Reginaldo Fibrado.

O JF#52 terá transmissão pelo canal Combate e as duas primeiras lutas também serão exibidas na internet pelo Globoesporte.com.

Wladimir Klitschko coloca sua montanha de cinturões em jogo

Klitschko vs Pianeta header

O supercampeão mundial dos pesos pesados de boxe Wladimir Klitschko sobe ao ringue mais uma vez neste sábado. O ucraniano radicado na Alemanha vai colocar os cinturões da Associação Mundial de Boxe, Federação Internacional de Boxe, Organização Mundial de Boxe, Organização Internacional de Boxe e da The Ring Magazine contra o italiano Francesco Pianeta.

A luta pode parecer a princípio mais um passeio no parque de Wlad, visto que Pianeta não têm um décimo da experiência internacional do campeão e seus últimos oponentes foram os quarentões Oliver McCall e Frans Botha. Mas o que diferencia o italiano de Mariuzs Wach, Tony Thompson e David Haye, desafiantes mais recentemente destroçados pelo Dr. Martelo de Aço é o fato de ter sido por um bom tempo parceiro de treino de Klitschko na Alemanha.

Dito isto, o combate realmente será um passeio no parque de Wlad, que já está de olho no mais rentável encontro contra o invicto russo Alexander Povetkin, campeão olímpico em 2004. A luta entre Wlad e Alex inclusive já está confirmada para o dia 31 de agosto, em Moscou.

Floyd Mayweather tenta dar mais um passo rumo à imortalidade

mayweather-vs-guerrero-header

O melhor do fim de semana fica para o final. Altamente aclamado como o melhor pugilista dos últimos 30 anos, Floyd Mayweather Jr tem mais um duro desafio no caminho de se aposentar invicto e repleto de cinturões em suas prateleiras.

O tão polêmico quanto talentoso americano, campeão mundial oito vezes em cinco categorias de peso diferentes, vai colocar o cinturão dos meios-médios do Conselho Mundial de Boxe em jogo contra Robert Guerrero, que já conquistou um título mundial em seis oportunidades, lutando em quatro divisões diferentes. A luta pode representar a 44ª vitória em igual número de combates para Mayweather.

O superduelo entre “Money Mayweather” e “The Ghost Guerrero” está longe de ser a única atração do card. Em combate com potencial para disputar o posto de quebra-pau do ano com Ríos-Alvarado II, o invicto campeão mundial dos supergalos (versão CMB) Abner Mares sobe pela primeira vez para a categoria dos penas. Ele vai encarar seu compatriota, o mexicano Daniel Ponce de León, que colocará em jogo o título mundial também do CMB.

Está bom? Está ótimo, mas não acabou. Uma terceira luta por cinturão vai acontecer antes de De León-Mares. Campeão mundial dos galos pela Federação Internacional de Boxe, o também invicto mexicano Léo Santa Cruz deixou o título vago depois de penar contra a balança e vai encarar o venezuelano Alexander Muñoz pela coroa dos supergalos da Associação de Boxe dos Estados Unidos.

Enfim, o final de semana será repleto de grandes atrações para quem gosta de luta. Como não poderia ser diferente, o MMA Brasil estará de olho no site, no Twitter e no Facebook.