Duelo de lendas no Japão encabeça Bellator 237, em parceria com o RIZIN

Por Idonaldo Filho | 26/12/2019 20:52

Depois de muito tempo negociando e mostrando vontade de realizar eventos em conjunto, finalmente o Bellator MMA e o Rizin FF vão colocar na prática a tradicional parceria que até então se resumia a empréstimo de lutadores. Na madrugada de sábado para domingo (29), começando às 22h, acontecerá o Bellator 237, na grandiosa Saitama Super Arena. Liderando o evento, duas lendas que há tempos faziam batalhas antológicas neste mesmo estádio, mas em situações muito diferentes, com ambos longe do auge que os consagraram.

Fedor Emelianenko ainda é para muitos o melhor lutador de todos os tempos, dispensando apresentações. O ex-campeão do Pride FC fez sua última luta no início do ano, válida pela final do GP dos Pesados do Bellator, contra Ryan Bader. Fedor aguentou pouco mais de 30 segundos, no segundo nocaute sofrido em sua carreira de quatro lutas na promoção.

Depois de quase oito anos, Rampage Jackson retorna ao Japão. Finalista do GP de 2003 no Pride, Quinton está há mais de um ano sem lutar. Em suas últimas atuações, se mostrou totalmente fora de forma. Em mais uma luta no estilo “showbol”, derrotou Wanderlei Silva por nocaute, encerrando uma sequência negativa de dois reveses contra Chael Sonnen e King Mo. Como Rampage e Fedor em seus auges atuavam em categorias diferentes, não surpreende a luta só ser feita agora, mas com expectativa nem de perto equivalente.

A revanche entre Ben Henderson e Michael Chandler no peso leve não acontecerá, uma vez que o ex-campeão do UFC se lesionou. Ainda assim, o desafio para Chandler é significativo, pois o novo oponente é Sidney Outlaw, um dos principais prospectos dos Estados Unidos, que acumulou os cinturões do Titan FC e do Ring of Combat, dois importantes celeiros de talento em seu país. Sidney está em sequência de nove vitórias, uma delas já no Bellator, contra o decrépito Roger Huerta.

O restante do card principal segue um padrão: serão realizados combates entre lutadores que fazem parte do plantel do Bellator contra atletas do RIZIN. Na categoria até 77kg, Lorenz Larkin enfrentará Keita Nakamura, luta curiosa por envolver dois ex-lutadores do UFC, um que frequentou o top 10 da categoria e o outro sempre fazendo parte do meio da tabela.

Os brasileiros Goiti Yamauchi e Ilara Joanne estarão também no evento, enfrentando respectivamente Dairon Cruickshank e Kana Watanabe, representantes do RIZIN, em pelejas marcadas pelos pesos leve e mosca. Talvez um dos mais intrigantes duelos do evento, o controverso Michael Page vai encarar Shinzo Anzai, wrestler japonês de passagem apagada pelo líder do mercado.

O card preliminar conta em sua maioria com lutadores locais, tendo os nomes de Jon Tuck, Jarred Brooks e Kanna Asakura como mais conhecidos.

RIZIN faz tradicional evento no último dia do ano

Também colhendo frutos da parceria com o Bellator, o RIZIN 20 conta com um card recheado de talentos marcado para o dia 31/12. A luta principal é um dos mais relevantes duelos possíveis para o peso átomo, com Seo Hee Ham como a desafiante da vez da dominante campeã Ayaka Hamasaki. Elas já lutaram duas vezes no início de suas carreiras, com duas vitórias da japonesa.

O campeão do torneio dos leves da organização será descoberto também na terça-feira. Representante do Bellator, Patricky Pitbull fará uma luta de brasileiros contra Luiz Gustavo Killer. No outro lado da semifinal, o ascendente Tofiq Musaev encara o americano Johnny Case, sólido lutador que ainda não perdeu após ser demitido pelo UFC.

Dois outros cinturões serão disputados no evento, o dos meios-pesados e do peso galo. Um dos principais lutadores fora do UFC, o tcheco Jiri Prochazka defende o título contra CB Dollaway, dispensado do UFC após ser pego no doping com um escandaloso número de substâncias ilícitas, servindo nesse casamento praticamente de cordeiro sacrificial para Prochazka. Vindo de vitórias sobre Kyoji Horiguchi e Ulka Sasaki, o ótimo Kai Asakura segue buscando se afirmar como um dos melhores pesos galos do mundo contra o angolano Manel Kape.

Com abundância de talento local, o RIZIN também faz algumas lutas contra atletas do Bellator. Em má fase, o talentoso Yuki Motoya encara um desafio perigoso no excelente Patrick Mix, prospecto de alto calibre com potencial para ser campeão dos galos no evento americano. Irmão de Kai, Mikuru Asakura enfrenta o brasileiro John Macapá no peso pena. Em uma revanche, a japonesa Rena Kubota encara sua algoz Lindsey Vanzandt.