Dana White não se interessa por confronto entre Cejudo e Volkanovski: “Ele está aposentado”

Por Rafael Fernandez | 24/06/2020 11:54

A aposentadoria de Henry Cejudo no UFC 249, no dia 9 de maio, pegou muita gente de surpresa. O medalhista de ouro olímpico estava no melhor momento da carreira como campeão dos galos do UFC e havia acabado de derrotar o maior da história na categoria, Dominick Cruz, quando anunciou que penduraria as luvas.

Desde então, o ex-campeão de duas divisões já afirmou que, pelo valor certo, voltaria a lutar e flertou com a ideia de enfrentar o atual detentor do cinturão dos penas, Alexander Volkanovski. O próprio Volkanovski estaria disposto a enfrentar Cejudo se ele quiser voltar, algo que não estava nos seus planos quando o “Triple C” estava ativo. A explicação para não encarar Henry antes era para não atrapalhar as outras divisões, já que um combate entre o campeão dos penas contra o campeão dos galos e dos moscas iria travar múltiplas categorias.

O único problema para todas essas conversas é que o presidente do UFC, Dana White, não é muito fã da ideia. White afirmou que Cejudo está aposentado e para ele não faz sentido debater sobre atletas não ativos.

“Ele está aposentado. Eu acabei de fazer outra entrevista no qual me perguntaram sobre outros atletas aposentados. Esses caras penduraram as luvas. Eu nem estou pensando neles. Tem muitos garotos no momento na organização, que querem lutar. Esses são os lutadores que estou focado agora” – comentou White na coletiva pós-UFC Vegas 3.

Enquanto as conversas sobre a luta com Volkanovski não avançam, Cejudo se mantém aposentado. O americano é o primeiro medalhista de ouro olímpico e campeão simultâneo de duas categorias no UFC. Na carreira no MMA, ele derrotou atletas como Demetrious Johnson, TJ Dillashaw e Marlon Moraes.

Com Cejudo aposentado, Alexander Volkanovski se prepara para enfrentar Max Holloway no UFC 251, em julho. Esta será uma revanche do confronto entre os dois no UFC 245, em dezembro do ano passado, no qual o australiano destronou o havaiano. Além da vitória sobre Holloway, o atual campeão dos penas possui vitórias sobre o ex-campeão José Aldo e o ex-desafiante Chad Mendes.