Dana White comenta sobre novo doping de Jon Jones: “É inacreditável”

Por Matheus Costa | 23/08/2017

Após a notícia de que Jon Jones foi novamente pego em um exame antidoping durante período de competição no UFC 214, onde derrotou Daniel Cormier para reconquistar o cinturão dos meio-pesados, Dana White conversou com a imprensa em Las Vegas para dar suas primeiras impressões sobre o caso.

Completamente devastado com a notícia, o presidente do UFC afirmou ter entrado em choque ao ouvir a notícia pela primeira vez. Além disso, Dana revelou que o UFC negociava o duelo entre Jon Jones e o campeão dos pesos pesados Stipe Miocic para o UFC 218 em Detroit.

“Obviamente, foi brutal. É inacreditável. Inacreditável. Eu tenho certeza que eu me senti da mesma maneira que cada um de vocês quando ouviram a notícia. Nós estávamos conversando sobre ele (Jones) lutar no peso pesado. Provavelmente contra o Stipe Miocic em Detroit (no UFC 218).”, afirmou Dana.

Jon Jones foi pego em exame antidoping orquestrado pela USADA, que acusou a presença da substância turinabol, que é um esteroide anabolizante usado para aumentar a definição muscular do usuário. É a terceira vez que Jones é pego no doping, sendo a primeira vez por cocaína em 2014 e na segunda vez anabolizantes, poucos dias antes do UFC 200.

Como Jones é reincidente, a suspensão do atleta deve ser maior que dois anos, que é a punição padrão para uso de anabólicos. Segundo Dana White, uma suspensão de três ou quatro anos pode significar o fim da carreira de Jones e uma mancha significativa no seu legado.

“Se isso terminar e ele acabar sendo suspenso por três ou quatro anos, talvez seja o fim de sua carreira. Falando sobre seu legado, talvez esse seja o fim de sua carreira. Ele pode até voltar, mas vai ser difícil. Quantos anos ele tem agora? 30? Com 33 ou 34 anos, tentando um novo retorno, sabendo o que poderia ter sido se nada disso tivesse acontecido, tudo o que ele poderia ter feito, é triste. Eu não sei nem o que dizer. Eu sempre sei o que dizer, mas eu não sei o que dizer sobre isso.”, finalizou Dana.

O UFC anunciou na noite de terça-feira (22) a suspensão de Jon Jones pela USADA. Consequentemente, Jon Jones foi suspenso por tempo indeterminado e aguardará o fim das investigações da USADA. Caso a suspensão definitiva de Jones seja confirmada, o atleta deve perder o cinturão dos meio-pesados e sua vitória sobre Daniel Cormier deve ficar sem resultado.