Conor McGregor não descarta retorno ao boxe e afirma: “Sou um agente livre”

Por Matheus Costa | 28/08/2017

Após ser nocauteado no décimo round por Floyd Mayweather na tão aguardada luta entre ambos, o campeão peso leve do UFC gostou da experiência da sua estreia no ringue da nobre arte. Tanto que, por mais que Dana White queira que o irlandês retorne imediatamente ao UFC para defender o cinturão, Conor McGregor não se mostrou tão certo em retornar ao octógono de forma imediata.

Durante a coletiva pós-luta, McGregor foi perguntado sobre se ele teria interesse em lutar novamente boxe num futuro próximo ou se seu futuro seria mesmo o retorno ao MMA. Sem titubear, o irlandês afirmou que gostou bastante da experiência de competir na nobre arte, afirmando que é um agente livre e ainda irá definir sobre o boxe e o MMA.

“Eu me diverti muito nessa luta. Tenho muitas opções no MMA e tenho certeza de que muitas opções aparecerão no boxe. Neste momento sou um “agente livre”. O meu nome está no ringue. Verei o que vem depois, mas eu estou aberto. Amo competir, amo uma boa luta e hoje acredito que a luta contra o Floyd foi muito boa. Não posso dizer exatamente o que vem depois, mas alguma coisa virá”, afirmou Conor.

Nocauteado no décimo round, Conor McGregor faturou oficialmente 30 milhões de dólares para enfrentar Floyd Mayweather, embora o valor não contabilize ganhos com patrocínios e parte dos ganhos com os pacotes de pay-per-view. Em sua luta de aposentadoria, Mayweather faturou oficialmente a quantia de 100 milhões de dólares na luta que lhe rendeu o maior cartel da história do boxe: 50 vitórias e nenhuma derrota.