Conor McGregor e Khabib Nurmagomedov são suspensos e multados por confusão no UFC 229

Por Matheus Costa | 30/01/2019 17:15

Conor McGregorKhabib Nurmagomedov protagonizaram um dos capítulos mais sujos da história do esporte no UFC 229, onde se desencadeou uma briga generalizada entre os lutadores e suas equipes logo após o término da luta principal do evento. Três meses depois, as consequências para Conor e Khabib foram divulgadas nesta terça-feira (29).

Na ocasião, Khabib derrotou Conor no quarto round por finalização e manteve o cinturão da categoria de até 70kg. Logo após a interrupção do árbitro central, Khabib pulou do octógono para atacar os companheiros de equipe de McGregor, especialmente o meio-médio do Bellator, Dillon Danis. A briga gerou uma confusão generalizada, contando com companheiros de Nurmagomedov invadindo o octógono para atacar o irlandês pelas costas. No fim, todos foram retirados da arena pelos seguranças e, pela primeira vez na história do UFC, um vencedor de uma luta foi anunciado por Bruce Buffer sem estar no octógono.

Em audiência realizada pela Comissão Atlética de Nevada (NSAC), o campeão dos leves Khabib Nurmagomedov recebeu um gancho de nove meses de suspensão, além de uma multa no valor de 500 mil dólares. Entretanto, a comissão concedeu a possibilidade da redução da suspensão para seis meses caso o atleta russo participe de uma campanha anti-bullying, que seja aprovada pela entidade.

Já seu algoz e derrotado na fatídica noite, Conor McGregor recebeu um gancho de seis meses e uma multa de 50 mil dólares pela participação na briga. Por mais que não tenha um histórico tão grave, um ponto bem importante da carreira do “Notorious” foi repreendido pelos oficiais da comissão: o trash talking. Segundo o diretor Bob Bennett, a tática usada para promover lutas está passando dos limites e precisa ser punida daqui em diante.

As duas suspensões aplicadas aos lutadores são retroativas do dia 6 de outubro, liberando Conor e Khabib – caso o russo consiga reduzir sua pena – para competirem a partir do dia 6 de abril. Tanto o irlandês quanto o russo, entretanto, não marcaram presença na audiência.