Carlos Condit visa retorno ao UFC e pede luta a matchmaker

Por Tiago Paiva | 20/09/2017 16:06

Há pouco mais de um ano e um mês atrás, Carlos Condit, ex-campeão interino da divisão dos meio-médios do UFC, foi finalizado pelo brasileiro Demian Maia no UFC on Fox 21. A dura derrota fez com que o atleta da Jackson’s MMA ponderasse sobre seu futuro no esporte, cogitando a aposentadoria após 40 lutas de MMA, sendo 13 pelo UFC.

Porém contrariando o esperado, o “Assassino Nato” mudou de ideia e fez um pedido a Sean Shelby, principal matchmaker do UFC, por meio de sua conta oficial no Twitter. O atleta de 33 anos afirmou que estaria desejando voltar ao octógono em dezembro ou em janeiro.

Condit tem apenas duas vitórias nas últimas sete lutas feitas, sendo a última delas contra o brasileiro Thiago Pitbull, em 2015. Antes de ser derrotado por Demian, Condit chegou perto de conquistar o cinturão dos meio-médios contra Robbie Lawler, mas acabou sendo derrotado por decisão dividida dos juízes na ótima luta principal do UFC 195.

Estudante de Direito. Analista do cotidiano autodidata. Baiano porreta. Fã de porradaria regulamentada num cage ou quadrilátero.