Brad Scott é suspenso por dois anos pela USADA

Por Matheus Costa | 16/10/2018 17:46

Mais um lutador do UFC acabou sendo suspenso pela USADA. Trata-se do meio-médio Brad Scott, que recebeu uma suspensão de dois anos por uso de cocaína em período de competição. O anúncio foi feito pela própria agência antidoping nesta terça-feira (16).

Segundo o comunicado, Scott foi pego em um exame antidoping realizado no dia 27 de maio, quando o atleta foi derrotado para Carlo Pederzoli no UFC Liverpool. O exame detectou a presença da substância Benzoilecgonina, principal metabólico da droga cocaína. De acordo com o regulamento da USADA, a suspensão para réus primários é de dois anos.

A data retroativa da suspensão é do dia 3 de julho, quando o atleta foi oficialmente notificado e suspenso por tempo indeterminado pela agência. Aos 29 anos de idade, o inglês somou um cartel de 11 vitórias e seis derrotas na carreira, sendo três triunfos em nove combates no UFC.

A fase de Scott também não era nada boa, somando apenas uma vitória nas últimas quatro aparições. Ele tentou começar uma nova fase na organização quando desceu para os meios-médios com a missão de enfrentar Pederzoli, mas acabou sendo derrotado por decisão unânime.

Editor do MMA Brasil. Fundador e editor-chefe do extinto Olimpo MMA. 20 anos, carioca, fanático por esportes.