Boxe: Cecilia Brækus fará história na luta coprincipal de GGG-Martirosyan

Considerada como a principal boxeadora da atualidade, a norueguesa Cecilia Brækhus fará história no dia 5 de maio. Foi anunciado nesta quinta-feira (26) que ela defenderá o título dos penas da WBC, WBA, IBF, WBO e IBO contra a americana Kali Reis, no duelo que antecederá o combate entre Gennady Golovkin Vanes Martirosyan. Será o primeiro combate feminino na história do boxe a ser transmitido pela HBO nos Estados Unidos.

Nascida na Colômbia e radicada na Noruega, Cecilia tem o impressionante cartel invicto de 32 vitórias. Ela conquistou seus primeiros cinturões mundiais em 2009, e vem acumulando títulos desde então. Por conta de sua alta popularidade e pelas fortes campanhas, Brækus teve influência na decisão do governo norueguês em derrubar o banimento de lutas de boxe, que já durava 33 anos, permitindo com que ela defendesse o seu título frente ao público nórdico. Em sua luta mais recente, “A Primeira Dama” registrou um nocaute no sexto assalto sobre a sueca Mikaela Laurén. Será a primeira vez que Cecilia lutará nos Estados Unidos.

Sua adversária será Kali Reis. Ex-campeã do peso médio do Conselho Mundial de Boxe (WBC), Kali acumulou seis vitórias nas últimas sete lutas, só perdendo para a cazaque Christina Hammer, quando tentou unificar o seu título com a da Organização Mundial de Boxe (WBO). Atualmente, vem de três vitórias consecutivas, sendo a mais recente delas sobre Tiffany Woodard.

O duelo entre Brækus e Reis acontecerá no dia 5 de maio, no StubHub Center, em Los Angeles, Califórnia, Estados Unidos. A luta principal do evento será uma disputa de cinturão dos médios entre Gennady Golovkin e Vanes Martirosyan.